Uma das principais contribuições do MST (Movimento dos Trabalhadores sem Terra) para a sociedade brasileira é cumprir com o compromisso em produzir alimentos saudáveis para o povo brasileiro. Fruto da organização de cooperativas, associações e agroindústrias nos assentamentos, o movimento procura desenvolver a cooperação agrícola como um ato concreto de ajuda mútua, que fortaleça a solidariedade e potencialize as condições de produção das famílias assentadas, e que também melhore a renda e as condições do #Trabalho no campo.

O Movimento Sem Terra está organizado em 24 estados nas cinco regiões do país. No total, são cerca de 350 mil famílias que conquistaram a terra por meio da luta e da organização dos trabalhadores rurais.

Publicidade
Publicidade

Mesmo depois de assentadas, estas famílias permanecem organizadas no MST, pois, segundo o movimento, a conquista da terra é apenas o primeiro passo para a realização da Reforma Agrária.

O movimento é apoiado pelos brasileiros que vivem no meio urbano, pois devido a industrialização e tantas doenças geradas pela falta de alimentos saudáveis, inúmeras fazendas ociosas desfilam diante de uma nação que saltou no índice da pobreza para alimentação de 2003 até os dias atuais. Hoje se faz a necessidade de uma sociedade saudável.

Tendo mobilizado mais de 15 estados em movimento de luta, só no estado da Bahia, o MST realizou 22 ocupações. Torna-se hoje, o agricultor, não somente aliado na mesa do consumidor, bem como um dos caminhos a nova ordem democrática social ao Brasil. Em meio aos ataques da oposição, o povo se vê destinado a se unir, tanto quem mora nos centros urbanos, como nos centros rurais, contra a corrupção no País.

Publicidade

Cada vez mais, a população, unida em prol da liberdade, fraternidade e igualdade social, bem como pela saúde e moralização, usa os meios possíveis para noticiar ao mundo o que na comunicação tradicional é ofuscada pela inverdade. São famílias que agora lutam não somente por uma reforma agrária, mas também pela liberdade de viver e interagir.

A força da foice! Já não somente usada para a terra, mas pelo direito de usar nela. #Opinião