Desde que o filme "50 tons de cinza" estreou no Brasil, muitas pessoas fizeram piadas com o tema: se um homem rico e bonito maltratar a mulher é amor, agora, se ele for pobre, ela aplica a lei Maria da Penha. Porém, isso se aplica com as mulheres também? Ninguém nunca mostra ou comenta, mas as mulheres também podem ser abusivas em relacionamentos de maneiras ainda mais violentas que os homens.

Se não acreditam nisso, um vídeo postado pelo canal 'Porta dos Fundos' no YouTube chamado "Pra mim chega" mostra esse caso, sem amenizar nada. O vídeo começa mostrando um casal, sendo que o homem acabou de chegar em casa. A mulher, então, saca uma arma e começa a exigir explicações de onde ele estava e ainda pede que ele tire a camisa para colocar o pedaço de roupa no saco para coletar DNA e ainda usou um daqueles pós para coletar impressões para ver se tinha impressões digitais no cara.

Não satisfeita, ela ainda põe uma arma na cabeça do cara e afirma que ele a estava enganando com outra mulher.

Publicidade
Publicidade

O homem, então, mostra um anel de noivado e pede a mulher em casamento. Isso a faz abaixar a arma e aceita o pedido, logo em seguida, ela aponta a arma novamente e pergunta o porquê do pedido inesperado de casamento e afirma que a mulher esta gravida e começa a fazer um escândalo como se ela fosse um homem e descobrisse que sua esposa poderia esta esperando o filho de outro.

O vídeo termina com o casal planejando o casamento e a mulher proibiu a entrada de outras mulheres no casamento, até da mãe do cara, e falou que só podem aparecer homens. Depois falou que iriam casar no civil, pois achou que o padre poderia dar em cima do noivo dela.

Apesar de ser um canal de comédia, o vídeo nos mostra de uma maneira cômica (ou não) como algumas mulheres podem ser tão abusivas como os homens.

Publicidade

O vídeo arrecadou mais de 11.479.579 visualizações, sendo que das visualizações positivas contam com 135.422 e as negativas com 6.319.

Quando forem assistir ao vídeo, lembre-se que é só uma um canal de comédia, caso se assemelhe com a realidade é mera coincidência. #Entretenimento #Famosos #Mídia