No embalo da Marcha para Jesus 2015, que reuniu cerca de 340 mil fiéis na última quinta-feira 04), em São Paulo, o mundo gospel ganhou recentemente a rede social Faceglória, uma versão brasileira do Facebook voltada para evangélicos.

A nova rede social tem como objetivo, segundo um dos seus criadores, Atilla Barros, ser um espaço para aqueles que estão insatisfeitos com a #Mídia criada por Mark Zuckerberg. Barros diz querer atrair jovens com cabeça saudável, voltados para a família, e que o site pretende, também, ser um meio de divulgação de novas bandas e cantores do mundo gospel. Ele acredita que o destino do Facebook, como conhecemos, será o mesmo do Orkut, e daqui a cinco anos, deverá desaparecer, dando oportunidade para outras redes sociais, com nichos específicos.

O Faceglória, que se autointitula, a rede social da família cristã, tem a aparência, segundo o site G1, de uma mistura dos visuais do Twitter e do Facebook. Tem a mesma caixa de diálogo do tipo "o que você está pensando", na lateral direita,exibe fotos dos amigos, na da esquerda, as últimas atividades. A curiosidade vem do "curtir", que é substituído pelo "amém". O item bate-papo tem a possibilidade de compartilhar fotos, músicas e vídeos.

O Faceglória é, segundo seu criador, um espaço democrático que não vai segregar pessoas ou religiões.Todos são bem-vindos. No entanto, algumas regras deverão ser respeitadas. Mostrar cenas de cigarro, bebidas alcoólicas, violência, pornografia ou usar palavrões, nem pensar. Beijo gay, em nenhuma hipótese. Agora, exibir fotos de mulheres de biquíni, pode porque a praia e a natureza foram feitas por Deus, argumenta Barros. Mulheres amamentando, também pode. Namorar ou paquerar, não só será permitido, como incentivado, através de um serviço que será criado para aproximar jovens e promover o namoro e casamento.

A rede social evangélica já conseguiu, até o momento, a adesão de cerca de cinquenta mil usuários, e tem o apoio de #Famosos do mundo gospel, para aumentar, ainda mais, o número de fiéis no site. As cantoras Aline Barros, Bruna Karla e Soraya Moraes já vestiram, literalmente, a camisa do Faceglória. Além delas, completam o time de apoiadores, os políticos Acir Santos, do PSDB, Magno Malta, do PR, e o ex-senador Marcelo Crivella, do PRB. #Religião