Recentemente, percorreu na mídia o comentário de Rihanna sobre estar solteira por ser "piranha". Grande parte das pessoas que viu a matéria, aplaudiu ela de pé pela coragem de enfrentar uma sociedade machista e opressora, de maneira tão espontânea.

Com esta afirmação da cantora, voltamos ao tabu que faz pensar sobre: Será que há alguma desigualdade entre homens e mulheres atualmente? Para ter uma resposta, é necessário lembrar que nestes últimos 100 anos, as mulheres expandiram seus limites, mas com isto houve a perda da essência do que estavam lutando.

Padre gay revela a imprensa sua orientação sexual

No contexto histórico, as mulheres lutavam para deixarem de ser inferiores aos homens, para receber salário pelo seu trabalho, ocupar o mesmo cargo que os homens, para o fim da exploração sexual, elas estavam em busca de expressar suas opiniões e ter uma posição social igual ao sexo oposto.

Publicidade
Publicidade

E o que vemos atualmente são mulheres no poder, são mulheres trabalhando e recebendo por isto, votando, entre outras coisas, que, até então, eram feitas por homens somente. Isto demonstra muitas conquistas feministas nas ultimas décadas, porém, muitas estão tomando as mesmas atitudes dos homens, e estão expondo seus corpos de maneira errada, ao ter comportamentos que julgavam inapropriados a homens devido a sua vulgaridade.

Por exemplo, se um homem fizer referência que está solteiro, por querer transar com várias mulheres, ele é julgado como alguém que não respeita o corpo de uma outra pessoa, querendo alimentar seu ego. Porém, se uma mulher diz que está solteira, por querer se relacionar com vários homens, ela está certa, ela é dona do seu próprio corpo. Isto mostra que o feminismo e o machismo estão cada vez mais semelhante, onde a diferença maior está na defensão de gênero sexual, justificando suas atitudes.

Publicidade

JUSTIN BIEBER DESABAFA SOBRE FOTOS ÍNTIMAS E AMEAÇA PROCESSAR FOTÓGRAFO

Com base no que foi citado, fica claro que de uma maneira negativa o feminismo se igualou ao machismo. Agora, é necessário continuar a luta de anos para elevar o patamar, fazendo com que a meta de ser igual aos homens seja superada para ser melhor, por ter os mesmo direitos e ter atitudes melhores de auto-respeito. #Opinião #Comportamento #Blasting News Brasil