O álcool serve para muitos indivíduos como uma maneira de afogar as mágoas e esquecer os problemas. Se refugiar na bebida parece trazer alívio momentâneo para o indivíduo que está sem auto-estima e precisando de consolo. Quando uma #Música retrata o que o ouvinte está sentindo, ela se torna uma música agradável. A bebida também é o combustível dos jovens e adultos nas baladas e em ocasiões festivas dentro de casa, presente na vida de muitos brasileiros a bebida para eles trás alegria e descontração, a música que se propões a esses omentos eufóricos vira sucesso para os ouvintes.

"Pinga ni mim" de Sérgio Reis fez com que o cantor se tornasse um dos maiores ídolos do Brasil com a música sertaneja, o tema não é novo e vários artistas se tornaram nacionalmente conhecidos devido a canções com esse tema.

Publicidade
Publicidade

Inezita Barroso já cantava "Moda de Pinga". Recentemente Gustavo Lima interpreta em seu repertório "Não paro de Beber", Bruno e Barreto canta "Farra, Pinga e Foguete"

Seria correto afirmar que essas músicas incentivam as pessoas a usarem de bebidas para se divertir e com isso, correr o risco de se tornarem dependentes, ou não é bem assim? A bebida já estaria presente nas festas desde os tempos antigos, não tendo a música influência no comportamentos dos jovens frequentadores das baladas, nem da família brasileira que sempre tem a cerveja em seus churrascos de fim de semana.

Para o cantor Jads, que faz dupla com Jadson, as coisas não são bem assim, segundo ele, nas letras o que se ouve é que o indivíduo está se divertindo e bebendo. Não se ouve dizer que após encher a cara ele foi dirigir.

Publicidade

Para ele as músicas refletem o momento vivido na balada, mas ainda tem sua pegada romântica e conservadora.

Para a dupla Bruno e Barretto, o dia a dia das pessoas está relacionado com a bebida e suas músicas que mais fazem sucesso hoje são as que tem letras ligadas a festas e baladas.

Segundo o Portal UOL, que ouviu as duplas, o cantor Gustavo Lima disse que sua nova música "Não paro de Beber" relata o lado bom da vida, e que cada pessoa é responsável pelos seus atos, disse ainda deixar um recado em seu single para o indivíduo não beber e pegar no volante.

E você, leitor - o que pensa disso?  #Famosos #entrevista