Dificilmente um caso de estupro será tão estranho quanto este revelado pela jovem irlandesa Niamh Ní Dhomhnaill. A garota namorou com um norueguês por quase um ano, conhecido por Magnus Meyer Hustveit, e, neste período, eles foram morar juntos em um apartamento.

Morando com o namorado, ela pensou que iria construir um lar feliz na cidade de Dublin, capital da Irlanda, só que ela acabou descobrindo que tudo que ela viveu neste período foi um terrível pesadelo. Niamh Ní Dhomhnaill acabou descobrindo, depois de 1 ano, que sempre que ela estava dormindo, acabava sendo violentada pelo namorado.

Ela o denunciou e o rapaz acabou admitindo tudo.

Publicidade
Publicidade

Magnus confirmou que estuprava a namorada até quatro vezes por semana e isto aconteceu durante um ano, sempre enquanto a moça dormia. Quando questionada se ela não se importava de abrir mão de seu anonimato, já que sua história se tornaria pública, Niamh Ní Dhomhnaill disse que não, pois ela espera com isto encorajar outras mulheres a denunciarem seus estupradores.

A jovem falou com o "Newsbeat", um famoso programa de rádio da BBC, e contou outros detalhes sobre os estupros sofridos. Ela foi abusada sexualmente por um longo período e ficou chocada quando descobriu toda a verdade. Niamh contou que uma vez ela acordou e viu que estava sem o seu pijama e só então ela notou que estava toda molhada por algo que parecia ser sêmen. Só neste dia a garota percebeu que algo de muito grave estava acontecendo.

Publicidade

Ela, então, foi até seu namorado e perguntou a ele o que era aquilo e ele nem tentou disfarçar, contando que teve relações sexuais com ela, enquanto estava dormindo e que isto já vinha acontecendo há muito tempo. Niamh disse para seu namorado que ela estava dormindo e não tinha consentido que ele tivesse relações com ela. 

Depois de 12 meses juntos, Niamh não pensou duas vezes para colocar um fim no relacionamento. Algum tempo depois, enviou um e-mail para o ex-namorado pedindo para ele contar tudo que fazia enquanto ela estava dormindo. A garota estava tentando conseguir uma prova do crime e seu plano deu certo. Magnus contou por e-mail tudo que fazia com ela e a prova do crime foi levada à polícia.

O caso já foi julgado e o rapaz condenado por estupro, mas acabou se beneficiando da suspensão condicional da pena, já que o juiz entendeu que foi importante ele ter confessado o crime, pois sem isto não teria como processá-lo.

Este é um caso polêmico e está repercutindo por todo o mundo, afinal, como uma mulher pode ser estuprada ou abusada sexualmente enquanto está dormindo e por tanto tempo? Trata-se de um caso que merece atenção, porque, como este, muitos outros podem estar acontecendo neste exato momento. #Curiosidades #Comportamento #Casos de polícia