As leis na grande maioria das vezes existem e atuam com o foco no maior número de pessoas possível. Isso por si só não é errado e ajuda a manter a ordem e a coesão nas sociedades; entretanto, não é exatamente assim que funciona no país do sol-nascente ou Japão, com toda a sua cultura oriental milenar que causa curiosidade e admiração de muitas pessoas ao redor do mundo. 

Por muitos anos, a velha e ultrapassada estação de trem em Kami-Shirataki situada no norte da ilha de Hokkaido continua funcionando para somente uma passageira. Sim é exatamente isso, pois a administração local não visou a prestação de serviços para somente aferir lucro, mas se dedica a passageira que é uma adolescente em período escolar que ainda não se formou nos seus estudos. 

A forma e a razão pelas quais o #Governo japonês tomou essa decisão, pode fazer com que a sociedade como um todo, veja o mundo atualmente sob um ângulo totalmente diferente e inusitado para melhor.

Publicidade
Publicidade

Dia após dia, o trem solitário faz apenas duas viagens: uma pelo período da manhã quando a mocinha Horodo Kana de 17 anos de idade, ruma em direção a escola e a noite, quando a mesma retorna para o seu lar. 

Há três anos o número de passageiros na estação de Kami-Shirataki diminuiu sensivelmente, provocando o cancelamento das operações naquela localidade do Japão, até mesmo porque se trata de uma área bastante remota e o serviço férreo de cargas também já tinha cessado há um par de anos antes. A Japão Ferrovias estava na iminência de fechar definitivamente a estação, quando percebeu que havia uma menina que continuava a pegar o trem todos os dias. 

Os administradores japoneses continuam a operar naquela estação específica até que a menina termine os seus estudos e conquiste o seu diploma escolar.

Publicidade

Como se isso não bastasse, os funcionários ajustaram o horário do trem, de modo que obedeça os horários de aula da menina. 

No dia 26 de março de 2016, Horodo irá se formar e finalmente a estação de Shirataki Kami será fechada. Com esse gesto simples, mas repleto de simbolismo, respeito e bondade, não é sem menos, que o governo japonês esteja recebendo centenas de elogios de várias pessoas. 

O Japão é conhecido mundialmente por se utilizar de alta tecnologia nos seus transportes urbanos. O trem de alta velocidade inclusive está chegando às zonas rurais, e é por isso que essa história seja talvez ainda mais comovente, pois apesar de ser uma nação altamente tecnológica, o Japão, conseguiu colocar as pessoas em primeiro lugar e fez um esforço organizado e respeitoso para não deixar ninguém de fora desse progresso singular. 

Quem dera outros países, assim como, o Brasil, por exemplo, fornecessem no mínimo o transporte regular, não é nem só para uma pessoa, mas para todos os seus jovens que têm o direito constitucional a #Educação assegurada pelo pelos seus governos. #Comportamento