A marca de bebidas Dolly, que detém 5% da participação no mercado de refrigerantes de todo o Brasil, fez uma mudança em seu comercial que deixou muitos fãs do personagem Dollynho tristes. Isso porque o mascote da empresa deixou de ser protagonista nos comerciais da bebida, para ser um simples ‘coadjuvante’.

O comercial da bebida agora está dando destaque para integrantes de uma família feliz, e o desenho do mascote Dolly em 3D não está sendo mais produzido, mas sim, um simples desenho que faz parte de um grupo familiar.

Em resposta a essa mudança, muitos internautas responderam ao vídeo postado pela empresa em sua rede social, indignados.

Publicidade
Publicidade

Segundo os críticos, o Dollynho representava o povo de classe média baixa do país, que são as pessoas que consomem mais a TV aberta. Uns seguidores diziam que viam no mascote a representatividade de grande parte do povo brasileiro, e tê-lo puxado para o canto não agrada os gostos dos consumidores da marca, e, principalmente, de quem assiste aos comerciais.

O, também popular, Gasparzinho Brasileiro, (como também é chamado o personagem Dollynho), representava o ‘ponto de apoio’ da publicidade dessa marca de refrigerantes, que, anualmente, conseguia chegar a um faturamento de R$ 700 milhões por ano. O grande lucro da empresa conta com o apoio de 6 filiais, que se encontram dentro dos estados do Rio de Janeiro e São Paulo.

“Comercial do Dolly sem o meu ‘amiguinho’ não é comercial do Dolly.”, disse um dos seguidores indignado, em resposta à postagem da empresa em sua rede social.

Publicidade

Ele, e outros, ainda criaram a hastag “#SomosTodosDollynho”, em apoio ao personagem.

No entanto, de acordo com algumas informações, o protagonismo do mascote foi tirado porque estava recebendo algumas respostas negativas em alguns vídeos divulgados pela marca que são produzidos nos canais de TVs abertas brasileiras. Sobretudo por supostamente ser apático nos comerciais, algumas pessoas diziam que o personagem estava desmotivante. No entanto, mesmo com essa mudança, ele ainda não saiu por completo da publicidade da marca. #Entretenimento #Negócios