Muitos sofrem com a falta de atenção. Ela pode ser devida a falhas no relacionamento interpessoal. A saída é chamar a atenção. Isto pode acontecer ao dizer sentir, pensar sentir ou realmente sentir dores por todos os locais do corpo. Um dos destaques é a região da face. Nela a contração muscular pode trazer dores que se revelam um transtorno psicossomático facilmente curável com algum preparado caseiro.

Como se tornar um líder entre os hipocondríacos?

Anote as seguintes #Dicas:

  1. Na segunda-feira chegue ao trabalho com cenho carregado. Não cumprimente ninguém. Se perguntarem alegue fortes dores na região entre os olhos. Se oferecerem um remédio recuse. Diga que nada resolve seu problema e que talvez isto seja algum tumor cerebral;
  2. Na terça-feira chegue mexendo a boca. Movimente os maxilares. Faça tudo isto com cara feia. Solte alguns gemidos. Se perguntarem porque, faça cara de enfado. Diga que deve ser alguma dor orofacial. Se a pessoa olhar assustada e perguntar o que isto significa, declare que o médico diagnosticou DTM – Disfunção Temporomandibular. É uma dor localizada na região ATM - Articulação Temporomandibular, responsável pela abertura e fechamento da boca;
  3. Na quarta-feira, antes de chegar ao trabalho, passe na farmácia. Compre comprimidos para dor de cabeça. Torne seus gemidos mais audíveis. Se perguntarem alegue forte cefaleia. Se o ouvinte não sabe o que é isto, coloque um ar doutoral em sua face e lhe diga: é uma simples dor de cabeça;
  4. Na quinta-feira transforme a cefaleia em uma enxaqueca. Traga fatias de pepino, enroladas em guardanapos. Pare por alguns minutos colocando-as sobre os olhos. Se no ambiente tiver geladeira coloque as fatias de forma visível para todos;
  5. Com a chegada da sexta-feira, sinta uma dorzinha de dente incômoda. Pegue comprimidos de aspirina infantil e os coloque na boca. Suspire fortemente. Se perguntarem alegue preocupação porque seu dentista disse que você poderia estar com algum tumor odontogênico;
  6. Após descansar no final de semana e ter lido um pouco mais sobre doenças na face, venha na segunda-feira com a cara feia e assustada. Se perguntarem diga que está vendo pessoas olhando fixamente para você e coisas voando em sua direção e que o diagnóstico foi transtorno obsessivo compulsivo;
  7. Na terça-feira divulgue a todos que trocou de médico pela sexta ou sétima vez. Ninguém resolveu aquele problema de sinusite. Alegue que a falta de ar preocupa. Deve ser algum problema no pulmão. Cite exemplos de pessoas que sofrem daquela doença que ninguém gosta de dizer o nome.;
  8. Na quarta-feira espalhe bulas pela mesa. Se ninguém prestar atenção, leve as bulas para as pessoas lerem, alegando que não entendeu alguma parte;
  9. Na quinta-feira meça a pulsação cardíaca diversas vezes. Em todas faça estardalhaço. Coloque os dedos no pulso, na têmpora, no pescoço e simule um pequeno mal-estar;
  10. Novamente sexta-feira. Simule sensação de desmaio. Diga que tudo ficou preto de repente. Ande segurando no corrimão ou na parede, se ele não existir. Peça para alguém lhe dar o braço.

Repita tudo nas próximas duas semanas, escolhendo qualquer outra região do corpo.

Publicidade
Publicidade

A esta altura as pessoas já devem ter percebido que você não consegue viver sem alguma doença e assim, você estará a caminho de se tornar o líder dos hipocondríacos, assistindo em seu celular o programa “bem estar” todas as manhãs. #Comunicação #Curiosidades