Em meio a um cenário nada positivo, em que a vida do cidadão comum é impactada pelos reflexos de uma crise política, econômica e social agravante, raras são as coisas boas que podemos apontar que ajudam a minimizar os efeitos degradantes de um país que se encontra doente. Esses pequenos momentos de lucidez que atingem nossas vidas devem ser comemorados, pois são essas pequenas coisas que nos mantêm automotivados para que continuemos avantes com nossas esperanças de mudanças e de dias melhores. Enquanto alguns perdem tempo discutindo sobre preferências políticas ou fugindo de suas responsabilidades, outros tantos preferem colocar em prática soluções viáveis que ajudam a sociedade a superar seus desafios que parecem impossíveis, porém, com um pouco de compromisso com a ação e muito trabalho, constituem-se em coisas maravilhosas para o coletivo.

Publicidade
Publicidade

Uma dessas coisas que nos deixam mais confiantes de que os atuais desafios podem ser superados é quando as melhorias acontecem a partir de iniciativas públicas que objetivam melhorar a vida de seus cidadãos. É quando o poder público se responsabiliza pela sociedade que o cerca e assume o compromisso de servir sua comunidade com excelência. Alguns podem pensar que para que isso ocorra seja necessária uma mudança total, com mecanismos complexos e processos que a burocracia - muito evidenciada no ambiente público - não compatibilizaria com os modelos de gestões atuais, os quais são mais dinâmicos e mais eficientes. Não obstante, essa é uma impressão muito comungada entre os diversos atores da sociedade, inclusive acadêmicos e especialistas. O ambiente público parece causar desconfiança e ceticismo.

Publicidade

Em corrente contrária, a Fundação Gaúcha do Trabalho e Ação Social - FGTAS - em parceria com a Companhia de Processamento de Dados do Estado do Rio Grande do Sul - PROCERGS -, criaram um sistema baseado em #Governo Eletrônico que facilita a vida do cidadão comum para o acesso a serviços sociais básicos, reduzindo filas. A fila sempre foi (e ainda é) a variável mais impactante que resume a percepção que a sociedade tem sobre tudo aquilo que é público. Portanto, sempre foi um objeto de estudo muito complexo e uma busca incessante por gestores e teóricos em eliminá-la. E esta busca está presente e muito viva no meio público.

Após quatro meses de sua implantação em todo o estado do Rio Grande do Sul, o sistema já demonstra todos os seus benefícios, entre eles a conveniência para os seus usuários externos. Há pouco recebeu nova atualização que o deixou mais intuitivo. “Para melhor atender ao trabalhador, a FGTAS mudou o design da página do agendamento no site. Agora, ficou ainda mais rápido e fácil agendar o atendimento nas nossas agências, basta selecionar a unidade em que deseja ser atendido e informar nome completo, CPF e telefone para contato”, destaca o diretor-presidente da FGTAS, Juarez Santinon. Para saber mais visite: http://www.fgtas.rs.gov.br/inicial #Inovação #Comunicação