Um juiz goiano proibiu a artista Ana Paula D. Guimarães de Lima de comercializar suas esculturas de santos católicos. Caso a artista não cumpra com a decisão, será aplicado uma multa de 50 mil.

A ação foi movida pela Arquidiocese de Goiânia que alega que foi vitima de piada de péssimo gosto e afronta contra com os santos da igreja. Ana criou sua própria versão de santos, onde ela usa uma mistura do tradicional com o moderno, baseando suas imagens em personagens da atualidade como Batman, galinha pintadinha e super-homem.

Um exemplo que foi bastante criticado foi a comparação da imagem da Virgem Maria, em que a artista a transformou em galinha pintadinha.

Publicidade
Publicidade

Ainda segundo a decisão judicial, a artista excluiu das redes sociais um perfil que ela criou, chamado de Santa Blasfêmia. Ana se defende dizendo que em nenhum momento sua intenção foi atingir a #Religião Católica e acredita que suas criações são inofensivas.

Onde surgiu a ideia

Segundo a artista, ela teve a ideia em uma foto que ela viu na internet, cada imagem ela vendia entre 200 a 400 reais. Era seu principal meio de vida e já tinha fechado parceria com uma empresa que ia comprar suas esculturas, mas agora está parada. Segundo ela, vai entrar com um recurso para poder voltar a comercializar seus produtos.

Qual o significado de uma imagem de santo da Igreja Católica

A imagem de um santo para os católicos tem um significado intenso. Ao se olhar para ela, a imagem faz lembrar que aquela pessoa é santa e teve uma vida conforme a vontade de Deus.

Publicidade

Segundo a igreja, para ser considerado santo, é preciso existir a confirmação de um milagre.

O milagre deve ser uma cura inexplicável para a ciência e medicina, deve ser uma cura perfeita, duradoura e que ocorra rápido, entre um e dois dias. Uma das pessoas que teve sua santificação reconhecida foi a Madre Teresa de Calcutá, que recebeu o Nobel da Paz no dia 17 de outubro de 1979. Morreu em 1997, aos 87 anos, de ataque cardíaco. O seu trabalho missionário continua através da irmã Nirmala, eleita no dia 13 de março de 1997 como sua sucessora.