Pois bem, o sexo é um item fundamental para que ambos tenham uma vida saudável como casal. Mas para chegar ao ponto em que o casal fala abertamente sobre o assunto, algumas conversas devem ser iniciadas anteriormente. Perguntas devem ser feitas e respondidas para que se tenha harmonia na vida a dois. Confira essas #Dicas:

1. Frequência de relações sexuais por semana

Por mais que o assunto 'pareça' bobo, não é. Geralmente uma das duas partes tem o apetite sexual mais elevado do que a outra, o que faz o relacionamento entrar em desnível, assim sendo, é uma boa conversarem sobre quantas vezes por semana, por exemplo, pretendem fazer sexo.

Publicidade
Publicidade

Não é uma regra, mas é válido para melhorar o convívio de ambos.

2. Saber do que o outro mais gosta

Tudo nessa vida tem algo que você mais gosta, seja "a comida preferida, a cor que goste, a música que curta, dentre outros detalhes, e no sexo é igual". Fale de suas preferências e procure saber as preferências dele(a) também. É uma forma de não errarem na hora H e de aumentar a intimidade entre vocês.

3. O que não está bom para você

Não tem só a parte boa nisso tudo, pelo contrário, existe sim uma parte ruim na relação sexual. "De repente seu parceiro(a) pode estar fazendo algo que você não gosta, ou que simplesmente não lhe agrada". Vale a pena ser sincero e conversar sobre o assunto para que não entrem em conflito por bobagens.

4. Ligação do casal na cama

Você sente que seu parceiro(a) está na mesma vibração que você na hora H? Se você sente que não foi o esperado, ou que faltou algo que complementasse o momento e apimentasse a relação, tenha uma conversa sobre o assunto com seu parceiro e descubram o que pode estar levando vocês a cometerem os erros.

Publicidade

5. O que é sexo pro casal

É preciso saber o que significa o sexo para a mulher e para o homem, se é diversão, prazer ou simplesmente obrigação, procriação. Entender o que o outro pensa pode ajudar a melhorar a vida a dois.

6. Você imagina um casamento sem sexo?

Bom, embora a pergunta pareça 'sem lógica', ela não é. É preciso pensar como seria a vida sem o sexo, se ambos sobreviveriam a isso e como pretendem agir caso um dia venha a acontecer. Lembrando também que o fato de um gostar mais de sexo que o outro pode gerar conflitos, assim sendo, volte ao item número 1.

7. E se a saúde afetar o sexo do casal?

Outro fator muito importante, já que ninguém sabe o dia de amanhã. Já pensou como seria passar um longo período de tempo sem sexo, como quando a mulher engravida e precisa se resguardar, ou no caso do homem, quando ele sofre alguma disfunção erétil? Se você nunca pensou sobre o assunto, é bom começar a pensar.

8. Diminuição do desejo

E se alguma das partes perder o desejo sexual? Bom, há de se convir que nada acontece por acaso, então é preciso conversar abertamente sobre o assunto e saber o que está acontecendo e o que tem levado a essa 'falta de apetite' sexual. #Google #Comportamento