Provavelmente você já ouviu mulheres e homens dizerem que praticam o coito interrompido para evitar uma possível gravidez. Mas será que tal ato é mesmo capaz de evitar uma gestação?

Bom, isso é o que você vai descobrir agora, mas antes saiba que o coito interrompido nada mais é do que o ato do homem retirar seu órgão genital do órgão genital feminino no momento da ejaculação.

5 verdades sobre o coito interrompido

1. Não te livra das DSTs

Embora algumas pessoas tenham o ignorante pensamento de que as DSTs só são transmitidas durante a ejaculação, saiba que não, elas podem ser transmitidas a partir do contato direto, mesmo sem haver ejaculação.

Publicidade
Publicidade

Ou seja, ainda que previna uma gravidez, não vai te livrar de uma doença.

2. Ele não evita gravidez

Se o coito interrompido evitasse gravidez não precisaria existir métodos contraceptivos, não é mesmo? Mais uma vez vale lembrar algo que poucas pessoas sabem. O líquido que sai do órgão genital masculino antes mesmo da ejaculação, já conta com espermas e isso é o suficiente para engravidar.

3. Com o tempo, o parceiro não vai mais estar animado para o sexo

Imagina se no momento do ápice do prazer masculino ele tiver que se preocupar em interrompê-lo? Vez ou outra ele ainda vai entender, mas chegará um momento em que ele vai cansar de se preocupar e, ou vai fazer dentro ou vai acabar perdendo a vontade de ter uma relação com aquela pessoa, por não poder relaxar por completo.

4. Um deslize pode acontecer

Mesmo que o coito interrompido seja praticado, entre uma relação e outra ainda poderá conter espermas na região.

Publicidade

Ou seja, você provavelmente vai ter que apelar para a Pílula do Dia Seguinte, que nada mais é do que uma bomba de hormônios e que vai te fazer muito mal.

5. Não é método contraceptivo

Método contraceptivo é preservativo, anticoncepcional, DIU, dentre outros. Já a prática do coito interrompido é apenas uma medida adotada por casais na intenção de praticar o sexo sem camisinha, de forma a não engravidar. O que pode funcionar vez ou outra, mas que também pode falhar e resultar em uma gravidez não planejada. #Curiosidades #Comportamento #Saúde