Faleceu na tarde deste sábado, 30, aos 81 anos de idade, o pastor Cesino Bernardino, líder dos Gideões Missionários da Última Hora (GMUH), após ficar um mês internado em coma profundo.

Considerado por muitos evangélicos como o "Pai das Missões no Brasil", devido ao seu incansável envolvimento com a obra missionária, Cesino também era presidente da Assembleia de Deus em Camboriú (SC), e muito respeitado por diversos líderes evangélicos que lamentaram a morte do religioso nas redes sociais.

No final do mês de junho, Cesino foi submetido a uma cirurgia devido à serias complicações nos rins e pulmões, desde então ele entrou em coma profundo, vindo a falecer nesta tarde, às 13h20min.

Publicidade
Publicidade

Desde que soube da situação de saúde de seu pai, mesmo após a médica alertá-lo que ele poderia falecer a qualquer momento, o pastor Reuel Bernardino tinha a esperança de que "Deus poderia realizar um milagre e restabelecer a sua saúde", por isso liderou diversas campanhas de oração, em favor de seu amado pai.

Em 2015, o religioso já havia ficado vários dias internado em coma devido aos problemas nos pulmões e se recuperado, no entanto desta vez não resistiu.

Pastor Cesino Bernardino fazendo a obra do Senhor

No final da década 70, Cesino Bernardino assumiu a liderança da #Igreja Evangélica Assembleia de Deus em Camboriú, SC, onde iniciou uma grandiosa campanha de oração para que Deus o orientasse a administrar a congregação.

Essas reuniões eram muitas vezes realizadas nas casas dos membros da igreja e, em suas pregações, Cesino enfatizava sobre a importância do batismo no Espirito Santo.

Publicidade

Já na década de 80, com uma equipe que tinha a mesma visão que ele sobre o avivamento, foi realizado o 1º Encontro de Missões na sede da igreja. 

Líderes evangélicos lamentam morte de Cesino Bernardino

O pastor Samuel Câmara, líder da Igreja Assembleia de Deus de Belém do Pará, comentou o falecimento do pastor Cesino em sua página no Facebook, lembrando que conheceu e conviveu com Cesino quando ele era pastor no Amazonas, onde desenvolvia lindos projetos missionários. Samuel disse ainda que "A Igreja de Cristo e o evangelho perdem um dos seus maiores soldados", mas diz que em breve o encontrará.

Já o pastor José Wellington Bezerra da Costa, líder da Igreja Assembleia de Deus Ministério Belém e presidente da CGADB, usou sua página no Facebook para lamentar o falecimento de Cesino dizendo que "Com tristeza no nosso coração fui informado que partiu para as mansões celestiais o nosso amado patriarca das missões e um dos maiores líderes que as Assembleias de Deus no Brasil já teve, pastor Cesino Bernardino...", dizendo ainda que estará orando para que Deus console a igreja e os familiares do pastor.

Velório e enterro

Segundo a assessoria do Gideões Missionários da Última Hora, o funeral será realizado no pavilhão dos Gideões e o sepultamento será na próxima segunda-feira, dia 01/08.

Oremos pela família enlutada! #Religião