Depois do grande glamour das Olimpíadas Rio 2016, que reuniu mais de 200 países membros do Comitê Olímpico Internacional (COI), agora chegou a vez das Paralimpíadas, que começam dia 7 de setembro e prometem também trazer grandes atrações para o Rio de Janeiro.

Para garantir a realização do evento esportivo, o prefeito Eduardo Paes promete transferir uma verba de até R$ 150 milhões para o Comitê Organizador dos Jogos Olímpicos Rio 2016 que  ̶  diga-se de passagem  ̶  já enfrenta sérias dificuldades para fechar as contas e não deve ter recursos suficientes para levar adiante a Paralimpíada.

Entretanto, rola nos bastidores o rumor de que a Justiça Federal do Rio de Janeiro concedeu liminar proibindo repasses de recursos públicos aos organizadores até que o Comitê Olímpico faça uma prestação pública de contas, informando a origem da receita e o destino das despesas.

Publicidade
Publicidade

Agora, resta ao Governo Municipal do Rio de Janeiro recorrer da decisão e tentar desobstruir os entraves que impedem essa transferência que, para todos os efeitos, vai apenas beneficiar os interesses das chamadas oligarquias, alguns setores da sociedade e os políticos.

Ora, não se questionam aqui, obviamente, os incentivos ou subvenções que se devem dar às práticas esportivas de nossa cidade, que por sinal muito ajudam no convívio social e melhoram os rendimentos físico, emocional e intelectual do ser humano. O que a população quer saber é se realmente esse dinheiro a ser repassado vai mesmo chegar ao seu destino final com lisura; se há mesmo honestidade nessas transações financeiras que são feitas visando o prestígio de um grande espetáculo há muito esperado pelos brasileiros.

Já há muito o que se fazer em se tratando de investimento do dinheiro público em áreas muito mais necessárias, como a saúde, a educação, a segurança, o saneamento básico, a despoluição de nossas reservas e a prevenção de uma possível crise hídrica que ameaça o país. Há muito o que se investir no campo da pesquisa científica, e assim, deixar um grande legado para as futuras gerações, pois dessa maneira seremos grandes e veremos acontecer, de fato, a ordem e o progresso estampados na bandeira e que são elementos extremamente almejados por todos os brasileiros.   #paralimpìadas #Rio2016