Não tem como negar que a Disney se tornou a maior produtora de desenhos infantis do mundo. Fundada em 16 de outubro de 1923, passou a ser a pioneira na indústria de animações. Mas com tanto sucesso, boatos surgiram para entender porque seus desenhos faziam sucesso extraordinariamente. Segundo o HuffPost Brasil, algumas de suas histórias foram adaptadas para esconder o lado obscuro que muitas delas originalmente possuíam.

Vamos conhecer algumas delas abaixo, mas prepare-se para destruir sua infância:

Cinderela, 1950

A versão que é mais conhecida é do francês Charles Perrault, de 1697, mas também existe a versão dos irmãos Grimm, onde nada do que você viu na produção feita pela Disney é relatada no livro original.

Publicidade
Publicidade

Resumindo o conto original: Uma de suas irmãs, ao tentar provar os sapatinhos de cristal, acaba se mutilando e cortando um de seus dedos; porém, o príncipe encontra sangue no sapato e descobre a verdade.

Cinderela não tinha fada madrinha e nem perdeu o sapatinho de cristal porque estava com pressa. Ela o perde porque o príncipe cobre com piche os degraus para que os sapatos dela fiquem grudados.

E não para por aí. Quando suas irmãs malvadas vão até o palácio para o casamento de Cinderela, acabam tendo os olhos picados por pássaros que as atacam. Que macabro!

A Bela e a Fera

Podemos dizer que boa parte é fiel ao original, mas algumas mudanças foram feitas para que o final do desenho seja como todos da Disney, "Felizes para Sempre". A versão é inspirada no texto de "O Pequeno Cabo de Vassoura”, de Ludwing Bechstein.

Publicidade

Resumindo o conto original: a fera não é um monstro feio, e sim um bicho fofo e bonitinho, que então é tratado por Bela carinhosamente. Porém, as irmãs invejosas acabam matando Bela, que vira uma coluna de pedra. Mas as irmãs também recebem um castigo severo e tornam-se colunas de pedra, como Bela.

Enrolados

Apesar de ser uma versão totalmente adaptada, vamos mencionar o fato que a Rapunzel original, teve um desfecho totalmente diferente dos adaptados.

Resumindo o conto original: ela engravida do príncipe, antes de fugir, e quando a bruxa descobre tudo fica furiosa e corta seus cabelos (diferente dos atuais, onde quem acaba cortando os cabelos é a própria Rapunzel).

A bruxa não para nas maldades e a joga na floresta. Esperando o príncipe na torre, a bruxa o engana e joga os cabelos de Rapunzel para que ele suba, mas, já no alto, ela o deixa cair em cima de vários espinhos e ele acaba ficando cego. Ele sai desnorteado e sem visão pela floresta, e encontra Rapunzel, que chora e o cura. E eles no fim vivem felizes para sempre. #Entretenimento #Dicas #Curiosidades