A #traição não é uma coisa simples e pequena. Na relação, cada um tende a se comportar diferente neste aspecto. Alguns relevam, outros não. Como diz o ditado "Um olhar fala mais que mil palavras", você reconheceria só pelo olhar se seu parceiro estivesse mentindo? O traidor sente culpa? Os ciúmes vem mais de quem está traindo ou é só um mito? Veja abaixo alguns fatos interessantes sobre as pessoas que traem.

1- Aos que jamais imaginariam cometer uma traição

Muitas pessoas não acreditam serem capazes de cometer uma traição. Porém, uma boa parcela acaba por cometer este erro. Isto indica que nem toda traição é causada por pessoas de má fé, podendo ocorrer como um ato impulsivo e impensável, gerando em alguns casos um profundo sentimento de arrependimento.

Publicidade
Publicidade

2- Algumas pessoas se arrependem e não voltam a trair novamente

Ao dizer que mudou, se arrependeu e aprendeu com os erros, pode ser que seja verdade. Um estudo apresentado no livro "The Normal Bar" mostrou que 27% dos casais mais felizes já passaram por alguma situação de traição. Sim, é possível cometer erros como este e se arrepender sinceramente, mas vai do parceiro de perdoá-lo ou não.

3- Alguns tornam a traição um hábito

Para algumas pessoas, a traição é um hábito comum, algo de suas naturezas. Então preste muita atenção a quem você está perdoando, avalie primeiro se isso não se tornará algo cotidiano no #Relacionamento.

4- Tanto os homens quanto as mulheres possuem as mesmas chances de trair seus parceiros

Hoje em dia as mulheres tendem a trair quase o mesmo tanto que os homens. Um estudo revelado pelo 'Mosaico Brasil' revelou que diferentemente dos grupos de faixa etária mais avançado, a geração que engloba os jovens entre 18 e 25 anos tem um nível de traição quase proporcional entre homens e mulheres, sendo 65% homens e 49% das mulheres.

Publicidade

5- Amor x Prazer

Nem todas as pessoas relacionam o amor ao sexo. Para alguns é fácil separar os sentimentos da diversão, o que faz com que elas se sintam menos culpadas ao trair, já que não está traindo aos próprios sentimentos e não permitem que a traição interfira naquilo que sentem.

6- As pessoas não traem apenas quando vivem problemas em seus relacionamentos

Nem todos traem por estarem infelizes ou insatisfeitos com a relação. Estas são apenas algumas das causas. De um modo geral, a traição é bastante recorrente da personalidade de cada um, agregada à situação em que se encontram no momento da traição.

7- Os infiéis tendem a ser ciumentos

Em sua maioria, os infiéis tendem a ser ciumentos, pois imaginam várias possibilidades de risco de traição e acabam cogitando a possibilidade de que seus parceiros venham a agir como eles agiriam.

8- A oportunidade faz o gato

Em vários casos de traição, a pessoa que nunca imaginou fazer algo assim acaba traindo por se deixar levar demais por determinadas situações.

Publicidade

Portanto, se você não deseja trair seu parceiro, é importante que não deixe que essas situações se criem. Evite contato com pessoas com as quais já se envolveu, com pessoas que você saiba que estão afins de você, etc.

9- Culpa

Alguns sentem culpa, já outros não sentem nada. Cada um é cada um, e a maneira como reagirão depende de suas próprias consciências. Alguns se arrependem e não suportam o peso na consciência, levando-os a confessar o erro. Outros aprendem a conviver com a culpa e outros não sentem nada, e como não sentem nada em relação a isso, não há o que confessar. #Comportamento