Ultimamente têm aparecido vários “posts” e frases nas redes sociais dizendo que o brasileiro merece ser estudado pela NASA, o que acaba sendo um elogio, pois, na realidade, em outras palavras, o contexto revela a espontaneidade, a versatilidade e a originalidade que o cidadão comum tem para resolver problemas e encarar as adversidades sempre com uma pitada de bom humor e até mesmo tirar proveito de algo, que a princípio não seja tão bom.

A correlação acima parece ter sido levada também para o campo da ideologia política que polariza o Brasil neste momento entre adeptos de direita e de esquerda. O exemplo que ilustra essa situação vem de uma pastelaria da cidade de Belo Horizonte, capital de Minas Gerais, onde a proprietária acabou lançando uma campanha para lá de especial, cujo lema é o seguinte: “Faça um pedido, grite ##foratemer, e ganhe 1 copo de refresco pra matar sua sede de justiça!”.

Publicidade
Publicidade

A empreendedora da pastelaria é Geane Cardoso Brasil da Silva, de 27 anos de idade, que é estudante de direito, sendo que a mesma esclareceu junto à imprensa que a promoção em questão deve ter duração de aproximadamente um mês; entretanto, nada impede que ela possa ser estendida. Vale frisar ainda que, mesmo a promoção só tendo alguns dias em que foi lançada, já conseguiu “bombar” em diferentes redes sociais.

Para aquelas pessoas que estiverem morando ou mesmo passando por perto de Belo Horizonte, vale a pena conferir a situação, que é no mínimo curiosa e, por que não dizer, hilária.

A pastelaria foi inaugurada há exatamente oito meses e está localizada no bairro Calafate, região oeste da capital mineira.

A ideia acompanhada da ação prática da empreendedora de Minas visa protestar contra o que Geane classificou de "colapso do sistema", na medida em que ela diz que “não temos Executivo, Judiciário e nem Legislativo.

Publicidade

O povo só tem o povo para se unir".

Indagada pelos jornalistas se a campanha de marketing político conseguiu aumentar o número de clientes na loja ou mesmo contribuiu para os #Negócios, a futura advogada falou que ainda é muito cedo para que ela tenha a real noção dos ganhos, mas uma coisa é fato, o cidadão comum cada vez mais quer ser ouvido pelas autoridades e pela sociedade como um todo, no que diz respeito ao que ele julga arbitrário, desonesto ou ilícito politicamente falando, como é o caso dessa jovem empresária mineira. #Michel Temer