Desde que o #Michel Temer assumiu a presidência do Brasil temos escutado um discurso que promete grandes mudanças no que diz respeito aos gastos públicos.

A principal fala do atual presidente é de que é necessário fazer ajustes e enxugar a máquina. Inclusive, Michel Temer afirmou que iria cortar na carne e faria o que fosse necessário para colocar as contas do governo em dia.

Porém, a pergunta que todo povo brasileiro se faz é "cortar na carne de quem?". A resposta está sendo óbvia, pois quem paga a conta da corrupção no fim é a população.

Várias medidas estão sendo tomadas pelo governo federal como a reforma do ensino médio, reforma da previdência, reforma nas leis trabalhistas e mudanças sérias na Constituição têm sido enfiadas goela abaixo dos brasileiros.

Publicidade
Publicidade

Mas, a promessa é de que tudo está sendo feito para que o país saia da crise e volte a crescer economicamente.

No entanto, a população do país é pega de surpresa ao tomar conhecimento de uma licitação que foi aberta pelo Palácio do Planalto com o intuito de fazer o abastecimento de suprimentos para o avião presidencial de Michel Temer. Segundo Lauro Jardim, colunista do jornal O Globo, o valor estimado para os gastos com a alimentação é de R$ 1, 75 milhão.

Dentre as guloseimas solicitadas para a degustação do presidente, estão sorvetes de marcas importadas e picolés de uma marca famosa no Brasil. O custo, somente do sorvete importado, ficará pela bagatela de R$ 7.500. Na lista também estão presentes tortas de chocolate, um total de uma tonelada e meia, orçadas no valor de R$ 96 mil.

Fazem parte da lista de guloseimas potes de creme de avelã, iogurtes, geleias e quatro tipos de açúcar.

Publicidade

O total gasto com um famoso creme de avelã ficará em R$ 4.080. Além dessas delícias que todo o povo brasileiro gostaria de poder ter na mesa, pelo menos de vez em quando, fazem parte do pacote queijos provolone, Brie, a famosa muçarela de búfala e também presunto de parma.

O presidente Michel Temer assumiu definitivamente o comando do Brasil após o julgamento enfrentado pela ex-presidente Dilma Rousseff que passou por um processo de impeachment e perdeu o cargo de governante do país. #Dentro da política #Política