Pertencente a Harvest Christian Fellowship que é uma igreja localizada no Estado da Califórnia, o pastor Greg Laurie trouxe uma grande mensagem a respeito do real significado do #Natal. Para ele, muitos estão se esquecendo da simplicidade que Jesus nasceu e estão fazendo, cada vez mais, celebrações de grande porte. Muitos estão romantizando o natal e se esquecendo do seu poderoso significado.

Ele afirma que a história de Jesus não é aquela velha história de superação no qual o indivíduo sai da pobreza para a riqueza, mas sim que ele saiu da riqueza para a pobreza. Jesus veio como o maior exemplo de humildade possível. Ele poderia ter nascido em um berço de ouro na família mais rica da época, porém preferiu nascer no meio "do nada", filho de pais pobres.

Publicidade
Publicidade

O pastor relembrou o quão precário era o estábulo no qual Jesus nasceu e ressalta a grandiosidade que as pessoas estão o tornando, nos dias de hoje. Ele ressalta que, o local que ele nasceu, estava frio e úmido, com um grande odor desagradável e outro diversos problemas. Conta ainda que Deus não veio em um barco rodeado de ouro, mas sim, em um pano no meio de uma escuridão. O rei cristão se fez homem para demonstrar que a real riqueza não está nos bens mas sim no que a pessoa é.

Outros diversos líderes religiosos comentaram a respeito do assunto. Disseram que o Natal está sendo secularizado para o nosso século, ou seja, as músicas estão se tornando alegres, coisa que não era realidade na época. No tempo do nascimento de Jesus, o mundo estava rodeada de guerra e problemas.

Eles relembram a primeira música de Natal: Maria de Nazaré.

Publicidade

Nela é ressaltada a vitória de Deus contra os inimigos. Que nela é representada a soberania e o poder que Deus têm. É convidado, por eles, que os cristãos voltem a abraçar o real significado do Natal. O Natal deveria reunir as pessoas. Os humanos são cercados de sentimento e estão se esquecendo de que os outros também têm sentimentos. Busque ajudar nesta data tão importante. Diversos irmãos precisam de alimentos entre outros. Natal é dia de simplicidade e não luxuria. #Religião #Sociedade