Amado por uns, odiado por outros, Fidel Castro, ex-ditador cubano que faleceu recentemente, deixou #Cuba no mistério e na miséria. Conheça alguns fatos e curiosidades sobre o país socialista, que se revoltou contra o imperialismo americano e seu capitalismo.

Embargo econômico

Muitos acreditam que o embargo econômico feito pelos Estados Unidos em Cuba em 1992 tenha sido o único causador de todos os males da ilha. O que poucos sabem, é que essa lei não impediu transações entre os dois países, mas apenas estabeleceu um limite (em 1999) de R$700 milhões anuais, que posteriormente excluiu desse limite os produtos considerados humanitários.

Publicidade
Publicidade

Em pesquisas feitas nos últimos anos, Os americanos aparecem na quinta posição de maiores importadores da ilha.

Saúde de Cuba

Muito se elogia o sistema de saúde cubano, mas pouco se sabe sobre ele. Os dados são apresentados pelo próprio governo, que pode facilmente manipulá-los, e os médicos formados no país pouco falam sobre o assunto. No Revalida, um exame para revalidação de diplomas estrangeiros, o índice de aprovação entre os cubanos é bem baixo.

Educação cubana

O país possui uma baixíssima taxa de analfabetismo, assim como outros países mais pobre como Azerbaijão e Tajiquistão. A única desvantagem seria da sua educação doutrinada, onde não há liberdade de pensamento e os estudantes são obrigados a estudar conforme o o gosto do governo.

Regalias aos turistas

Caso queira fazer uma visita à Cuba, saiba que seu tratamento será diferenciado dos moradores.

Publicidade

Você poderá ver TV a cabo, internet, comer carne bovina entre outras coisas (caso você tenha assistido o filme "A Entrevista", é praticamente a mesma coisa).

Todos possuem o mesmo tratamento

Uma das pautas mais pregadas pelos adeptos à esquerda é o argumento de que não haveria distinção de classes, todos seriam tratados como iguais. Porém, essa regra não se aplica aos governantes: Segundo a revista Forbes, Fidel Castro era uma das pessoas mais ricas do mundo, com patrimônio maior do que o da Rainha Elizabeth, por exemplo. Seu governo também já perseguiu negros e homossexuais, que eram presos ou mantidos como trabalhadores forçados. #Fidel Castro #Socialismo