Iniciada em 2014, e, atualmente em sua terceira temporada, Transparent costuma ser classificada como comédia mas, claramente, é um drama com vários momentos onde os personagens vivem situações constrangedoras, daquelas que você costuma rir de nervoso ou então de vergonha. Na verdade, a classificação como comédia acontece apenas pelos episódios que possuem menos de 30 minutos de duração, não é nada relevante pra série em si. Talvez seja ruim para a concorrência dessas premiações, as séries que são realmente comédias podem até se incomodar já que por onde passa Transparent leva todos os prêmios.

Jeffrey Tambor, o protagonista, foi muito criticado quando foi escolhido para viver uma transexual e agora se consagra com uma das melhores atuações do ano na #Televisão e, talvez a melhor de sua carreira, recebendo o Emmy de melhor ator de série cômica desse ano.

Publicidade
Publicidade

De fato,Tambor é naturalmente engraçado, os fãs de "Arrested Development" sabem bem disso. Mas em Transparent, Jeffrey entrega uma atuação dramática e detalhista no papel de Mort, um pai de três filhos aposentado que aos 65 anos, finalmente, decide assumir para a família que fingiu, a vida inteira, ser Mort mas sempre sentiu-se Maura. E então acompanhamos Maura nessa nova fase de sua vida e também o impacto dessa mudança na vida de seus familiares.

Descobrimos o passado de Maura, a vida que dividiu com sua ex esposa, Shelly, quem se tornou uma amiga. Acompanhamos os filhos em seus dramas particulares da vida adulta. Se ignorarmos alguns arcos narrativos que ficam sem resolução nenhuma, podemos dizer que o roteiro de Transparent é sobre comportamento humano, convivência, relacionamentos e descoberta da sexualidade.

Publicidade

Os diálogos são interessantes e as atuações mais ainda. A história convence, você assiste algumas reações dos personagens e pensa: "é bem assim". A fotografia remete um pouco aos filmes europeus e é utilizado bastante o plano sequência, que são cenas sem cortes que favorecem, muito, para uma boa atuação.

É uma ótima sugestão pra quem gosta de série que faz pensar, e também pra quem tem curiosidade de entender mais sobre o tema da transexualidade. #sexu #Seriados