Este grande sentimento que embala todos os tipos de relações sejam elas afetivas ou apenas profissionais. Qual ser humano nunca sentiu saudades? Aquela dor no peito que nos conduz a boas lembranças, ou quando pensamos em um ente querido que já se foi, pois é, essa é a famosa saudade.

No Brasil dia 30 de janeiro comemora-se o Dia da Saudade. Alvo dos grandes poetas e de um vasto acervo de músicas sobre o tema, nunca faltará inspiração para composições embaladas em todos os ritmos ou gêneros literários. Uma data pra lá de especial merece destaque neste artigo.

A palavra saudade vem de uma língua quase esquecida, porém ponto chave inicial para a formação das palavras da língua de origem portuguesa: o Latim.

Publicidade
Publicidade

Saudade no latim vem de solitas que significa solidão. Segundo historiadores este vocábulo não foi fácil de ser traduzido para a língua portuguesa, isto é, ele teria tido uma gama de complexidade em algumas línguas como na alemã no léxico: seshnsucht que é a mesma saudade nossa.

Quando a usamos sempre é pra expressar um tempo anterior, lembrar, e até mesmo homenagear a alguém que esta distante, ou que ainda, não voltará mais.

Quem não gostaria de voltar no tempo do antigo ginásio, colegial agora ensino médio ou até mesmo à infância e reviver os momentos perdidos por um motivo ou outro. Ou conquistar aquela paquera cujo projeto nunca saíra do papel. Dizer algo para um ente querido que não se expressou por vergonha, medo ou ressentimento e que agora já se foi.

Esse sentimento na verdade serve para nos ensinar a vivermos de maneira plena todos os momentos da vida, pois esta é curta e corre como o vento.

Publicidade

Permanecendo assim somente as lembranças do que já fomos ou vivemos. Boas ou ruins elas ficarão na memória guardada no cérebro por uma caixinha chamada saudade. Portanto é importante construir boas memórias pra que quando a saudade bater seja por bons motivos, no entanto vale errar, pois a vida é construída de erros e acertos. E nesse palco da existência sempre estaremos aprendendo algo novo para agregar a esse querido sentimento chamado saudade. #Bizarro #A Lei do Amor #2017