A criação de inúmeras páginas por grupos de pessoas que querem mostrar a sua forma de pensar tem se tornado algo bastante comum nas redes sociais. O argumento para atrair seguidores é que ali você pode expressar seus pensamentos, concordar e discordar. Mas na prática as coisas não funcionam assim. Quando surge alguém que discorde, tendo um ponto de vista diferente, as discussões tendem a tomar um outro rumo.

Algumas páginas chegam a apagar os comentários ou mesmo bloquear os usuários, e a ideia de liberdade de expressão que é tão difundida é colocada de lado. E quando não tomam esse tipo de atitude, as discussões tomam outro rumo, e seguem para o campo das ofensas, algumas bem pessoais.

Publicidade
Publicidade

Nessa perspectiva as redes sociais se tornam um coliseu, onde os gladiadores travam entre si batalhas de opiniões, onde todos querem que a sua seja absoluta e tida como a mais correta a ser seguida. Essas discussões podem ser um indicativo de fragilidade social. Está predominando a intolerância e a necessidade de impor suas ideias, não importando o quanto a #Opinião de outras pessoas possa vir a contribuir.

A sociedade contemporânea mergulhou nesse novo universo onde as informações transitam de maneira muito volátil, onde as notícias atravessam o mundo, e com a possibilidade de opinar de maneira positiva ou negativa. Toda essa dinâmica tem despertado nas pessoas a necessidade de expor suas ideias, compartilhando-as com outras pessoas de um mesmo grupo ou de diferentes grupos. No entanto não houve um preparo para as negativas, ou seja, ao primeiro sinal de não concordância, o cenário é modificado, e o que poderia ser a demonstração de uma #Ideologia se torna uma discussão para a imposição de um pensamento.

Publicidade

Saber ouvir um "não concordo com sua opinião" tem se tornado um grande obstáculo para o crescimento e o desenvolvimento de uma forma de pensar mais social. É preciso destacar que algumas lacunas que são expostas em uma discussão podem representar a peça que faltava para o quebra-cabeça, mas o ego de cada pessoa pode impedir que boas ideias surjam.

Também vale lembrar que nas redes sociais não existem barreiras, ou seja, suas ideias podem cruzar o mundo e contribuir com outras pessoas. Essa deveria ser a dinâmica nas redes sociais.