Na última semana, uma adolescente de 15 anos, moradora na cidade de Lages, planalto catarinense efetuou nada menos que 758 ligações para o Corpo de Bombeiros em menos de 24 horas. O comandante do Batalhão chegou a ir até a casa dos pais da adolescente, após a mesma ser identificada. Durante 15 minutos a adolescente efetuou 19 ligações, enquanto os militares estavam indo atender a uma ocorrência (real) de acidente de motocicleta. O comando do Corpo de Bombeiros registrou um boletim de ocorrência.

Ligação informando um assalto

Já em Orleans, também no fim da semana, uma outra adolescente de 16 anos telefonou para a Central de Emergência da Polícia Militar e informou a ocorrência de assalto a mão armada em uma lanchonete.

Publicidade
Publicidade

Policiais Militares deslocaram rapidamente até o local e, em virtude do baixo efetivo policial, pediram apoio para policiais de municípios vizinhos. Após constatarem o trote, policiais militares conseguiram identificar a origem das chamadas e após irem até a residência da adolescente, a conduziram até a Delegacia de Polícia da cidade de Lauro Muller. A jovem responderá a um procedimento policial de ato infracional por falsa comunicação de crime.

Irresponsabilidade que gera gastos públicos e coloca em risco a população

O efetivo das polícias e do corpo de bombeiros, em especial nas cidades pequenas, é bastante baixo. Enquanto adolescentes, abusam da irresponsabilidade, também acabam gerando gastos do dinheiro público desnecessariamente bem como colocando em risco a vida de pessoas que realmente possam estar precisando do atendimento policial ou do corpo de bombeiros, em virtude destes estarem se deslocando para atendimento a #trotes.

Publicidade

A fragilidade nas leis penais, em especial a punição para adolescentes que praticam atos infracionais contribui para que o jovem não esteja nem um pouco preocupado com as consequências de seus atos irresponsáveis. Um endurecimento da lei aliado com uma punição também na esfera civil (o pagamento das despesas ao erário público) com certeza iriam diminuir e colocar muitos adolescentes no seu devido lugar. #CorpodeBombeiros