Apesar de o termo ter sido cunhado há mais de 40 anos, mas precisamente em 1976, os #memes têm se tornado cada vez mais frequentes nos dias atuais. O termo foi criado pelo zoólogo Richard Dawkins em seu livro intitulado O Gene Egoísta, fazendo uma comparação com o conceito de gene.

É como "uma unidade de transmissão cultural, ou de imitação". Em outras palavras, uma unidade de informação que se pluraliza de pessoa em pessoa ou entre locais onde a informação é armazenada. O conteúdo é transmitido através da repetição como hábitos e costumes dentro de uma determinada cultura.

O que são memes?

Em relação à sua função, pode-se considerar o meme como uma “unidade de evolução cultural”, que tem a propriedade de se autopropagar.

Publicidade
Publicidade

Eles estão cada vez mais presentes nas #Redes Sociais e são criados a partir de ideias ou partes de delas, frases, fotos, vídeos, ou qualquer outra coisa que pode ser compreendida facilmente e propagada como unidade autônoma.

O conceito atual de meme teve início na década de 1990, da criação da página Memepool (em tradução livre, Piscina de Memes) e do portal Huffington Post. A página compartilhava links e outros conteúdos copiados dos perfis de usuários da web. Já o portal compartilhava o conteúdo gerado na realização de "experimentos" com ideias publicadas na #Internet.

A associação da Memepool e do Huffington Post culminou em um "festival de virais". Os participantes se basearam no conceito de Richard Dawkins para se referir a algo que se propagava pela rede.

Apesar dos memes serem mais antigos que a cultura digital, eles encontraram nela um meio eficaz para se expandir devido à velocidade que o conteúdo é repassado e à grande capacidade de propagação.

Publicidade

Enfim, com temáticas que variam do humor aos assuntos mais sérios, como política e economia, os memes possibilitam um compreensão rápida e fácil.

Junto com a facilidade de publicação e compartilhamento oferecidos pelas redes sociais, se dá a viralização do conteúdo. Você, com certeza, já viu um meme por aí!