Considerando a atual situação econômica no Brasil, com suas instabilidades trabalhistas e previdenciárias, todo mundo está a procura de meios para sobreviver. E quando digo sobreviver, refiro aos itens de primeira necessidade mesmo.

As pessoas estão em busca de estabilidade para que possa garantir, minimamente, a alimentação, a moradia e o sustento da família.

Mercado de trabalho

Anteriormente, havia uma corrida dos trabalhadores para buscar empregos nas empresas particulares. Os salários nessas empresas eram bem maiores, a oferta de assistência à saúde e outros benefícios também compensavam, sem contar que muitas delas ofereciam aos trabalhadores a participação nos lucros da empresa.

Publicidade
Publicidade

O que observamos hoje é que há uma mudança na modalidade por busca de emprego. O sonho de consumo de milhares de candidatos nos dias atuais passou a ser o #Concurso público.

A aprovação em concursos públicos passou a ser buscado por milhares de brasileiros nesses últimos anos, a perceber pela corrida dos candidatos de diversas áreas para as salas de cursinhos preparatórios e pela compra frenética de materiais como apostilas e aulas virtuais.

É impressionante como as aulas no formato virtual superaram vertiginosamente as aulas em formato presencial. Além de ser muito mais prático assistir à uma aula ou a um conteúdo específico através dos mais variados aparelhos (computadores, tablets, celulares), não é necessário estar fisicamente presente em sala de aula com horário e lugar fixos.

Associa-se a isso a necessidade emergente de estabilidade e segurança de milhares de pessoas com o poder de empreendedorismo dos cursos preparatórios.

Publicidade

Então, surge uma enxurrada de propagandas de cursinhos preparatórios garantindo a aprovação total em concursos públicos.

O formato virtual permite a flexibilidade de o candidato assistir aos conteúdos no momento de seu desejo e o ajuda a programar o seu horário de estudo, tornando talvez até mais proveitoso.

Mesmo havendo uma oferta tão grande de aulas virtuais, existe certa dificuldade para o candidato escolher em qual cursinho ou aula se “matricular”, pois são tantas esperanças oferecidas para tão poucas vagas.

A aprovação em concursos não é mais a garantia para se ter uma vida com alguns confortos, como viagens internacionais, passeios, comida gourmet e compra de artigos de luxo. É apenas uma forma de conseguir sobreviver no caos econômico e social preeminente.

As reformas Trabalhista e Previdenciária colocam em cheque as garantias da Consolidação das Leis Trabalhistas (CLT). Os trabalhadores e os futuros profissionais se assustam com o novo meio de trabalho que terão que enfrentar. O que esperar? Haverá de fato melhora para o trabalhador com as reformas propostas ou beneficiará apenas para o empresariado? #Reforma da Previdência #reforma trabalhista