Todos sabem ou já deveriam saber o quanto o #conteúdo é fundamental nos dias atuais. Ele reina, tem o poder e manda, manda muito. Mas nesta guerra de cada dia, mais e mais pessoas querem dominar este trono, a situação anda de mal a pior para a majestade do conteúdo.

Conteúdo é rei, mas pode perder a majestade simboliza bem esta loucura, este desejo de que todos querem para ontem serem influentes, dono das palavras, querem sua atenção por qualquer preço. O que temos visto é uma encheção de linguiça sem igual, um control ‘’C’’ e control ’ V’’ nunca antes visto, mudando apenas umas vírgulas, pontos, letras.

Nisto tudo, neste universo de informações ilimitadas, nós leitores ficamos cada vez mais exigentes e cansados.

Publicidade
Publicidade

Cansados desta perseguição digital pelo nosso like, atenção. Cansados de falsos profetas de conteúdos falando sobre tudo e no fundo não dizem nada.

Mas aí vem a dúvida, o conteúdo então não reina mais, e quem é quem manda neste reino então? Acreditem se quiser, quem sempre mandou, eu, você, leitor, os quais ordenamos o sentido das coisas, como queremos que falem conosco, nos impacte, nos direcione e nos reinem.

Hoje queremos mais e muito mais, não apenas um conteúdo com título legal e uma imagem uau, queremos emoção, vida, viajar nas ideias, ter mais ideais. Criar expectativas, desejar que no outro dia, aquilo falado, torne-se real, que meu dia a dia, mude, que tenhamos mais escolhas, sentido pela vida.

Entendeu agora quem reina, são os ouvidos, olhares, o toque, os cinco sentidos, pois eles que são despertados.

Publicidade

Acredite, você tem o poder.

Precisamos ser marcados pelos milésimos de segundo por uma frase com emoção e razão, uma imagem de empoderamento, enfim, queremos e podemos ter o melhor e não nos contentamos mais com pouco. Este texto serve para uma boa análise do que você como empresa, startup, profissional pensa e quer dos seus conteúdos, e se eles realmente funcionam na prática.

Não temos mais tempo de apenas soltar o verbo, como diziam, falar o que vem na telha. Queremos atenção de toda e qualquer forma, sem uma estratégia, construção de persona, força de identidade. Hoje para você voltar a reinar, precisa de mais que SEO, é necessário ser autêntico, humanizado, e dar aquele match.

Se você quer dominar seu lead, fazer bem a tarefa do digital, você precisa entender que apenas um blog, falando o que você acha que é importante, que você tem aquela informação única e exclusiva, não é mais o suficiente para ser digital. #Influenciador #Marketing de conteúdo