Publicidade
Publicidade

Inicia-se hoje em todo o mundo o movimento #Novembro Azul, uma campanha de conscientização masculina sobre o câncer de #próstata. O movimento Novembro Azul surgiu na Austrália em 2003 aproveitando as comemorações do Dia Mundial de Combate ao Câncer de Próstata [VIDEO]. A campanha tem como objetivo geral colaborar para quebrar o #Preconceito masculino de ir ao médico e fazer o exame de próstata.

A próstata é uma glândula que só o homem possui e que se localiza na parte baixa do abdômen. É um órgão muito pequeno, tem a forma de uma maçã e se situa logo abaixo da bexiga. Sua função é produzir parte do sêmen do indivíduo. O câncer de próstata é um desafio do presente.

Publicidade

Não pode e não deve ser ignorando. É o tipo de câncer mais frequente no homem, ficando atrás apenas do câncer de pulmão.

Estatísticas apontam que a cada seis homens, um é portador da doença. Ou seja, estudos apontam que em 2018, 69 mil novos casos serão diagnosticados. Dessa forma, todo cuidado é pouco com essa doença. Os homens precisam zelar pela sua saúde física e mental. [VIDEO] Um homem saudável pode colaborar mais com a sociedade e principalmente com sua família.

Não espere perder um pai, um irmão, um tio ou um amigo para o câncer de próstata para só depois começar a aderir à campanha. Novembro azul é um gesto de cidadania. De respeito para com aqueles que amamos, principalmente nossos pais e irmãos acima dos 40 anos;

A idade é um fator de risco considerado na detecção do câncer de próstata.

Publicidade

Os casos de mortalidade aumentam significativamente após os 50 anos. Homens com 60 anos ou mais pode aumentar de três a dez vezes o risco de se adquirir a doença. Quando o exame é feito em homens mais jovens 40, 50 anos, o diagnóstico precoce salva vidas.

Como existe um tabu muito grande na cultura brasileira sobre o exame de próstata, as famílias devem aproveitar essa “onda azul” para incentivar os homens acima dos 40 anos a fazer o exame [VIDEO]. Os homens precisam entender quer fazer o exame de próstata não afeta a masculinidade. Ao contrário, é um gesto de amor próprio e de emponderamento masculino. O câncer de próstata quando diagnosticado precoce tem cura e o homem pode levar a vida normalmente.

Em suma, é importante que os homens deixem de lado o preconceito e façam o exame, pois o câncer, seja ele, qual for, é uma doença maldita. Não espere perder quem você ama para começar a dar valor a esse tipo de campanha. Comece agora mesmo, pois o câncer de próstata atinge 40% dos homens brasileiros e eles nem sabem disso.