Só podia ser com eles, quando se pensa em novidades ou qual o país que tem o dom de inventar aparelhos que você só pode ter visto um dia nos filmes de Steven Spielberg. Com certeza você pensou neles... acertou! Os chineses saíram mais uma vez na frente para solucionar um problema que é tão nosso: poluição do ar, embora eles estejam entre os primeiros. Acaba de sair da prancheta o WIND SIX.

Como eles, chineses, sofrem muito com o seríssimo problema de poluição do ar, por isso que estão sempre com aquelas máscaras cirúrgicas que filtram o ar que respiram, inventaram agora um aparelho que além de purificar o ar, permite que o usuário não tenha seu rosto escondido.

Publicidade
Publicidade

O fim daquelas máscaras de hospital! Quem vê pela primeira vez, pensa que é um simples fone de ouvido com microfone, mas onde seria o microfone encontra-se um filtro de alta precisão para limpar o ar que entra pelo nariz. Mas não para por aí o que o wind six pode fazer.

Com sensores de alta qualidade permite que se meça a qualidade do ar em torno do usuário e este não precise usar o aparelho. Com comunicação ao celular este envia mapas onde podem ser visualizados lugares com menor incidência de poluição, para que assim possa planejar uma trajetória através dos bairros e ruas que estejam com o ar mais limpo. Conforme os criadores, a bateria pode aguentar até 8 horas de uso. A empresa que projetou a engenhoca estuda um design ainda melhor que o protótipo mostrado antes de colocar no mercado, bem mas de antemão já pode se ter uma certeza: é muito melhor e mais bonito que as máscaras usadas atualmente.

Publicidade

O que se pode sentir é que os chineses devem estar pedindo que apressem a produção desse aparelho, que viabiliza uma forma segura e funcional para poderem se adequar a atual situação em que vivem. Ainda não foi informado qual o valor a ser comercializado mas espera-se que seja acessível a grande parte da população. O país sofreu em meados desse ano com a escassez de máscaras de proteção, quando a poluição atingiu patamares alarmantes. De uma coisa é certa, essa startup chinesa vai ganhar muito dinheiro. #Inovação