A torre de babel! Houve um tempo, pretérito, onde por meio de sua capacidade construtiva, o homem queria atingir a morada dos Deuses. Este propósito impediria o cumprimento de uma profecia: multipliquem-se e encham a terra. Esta foi a ordem gritada para Adão e Eva. Ele estava irado pela sede de saber que levou o homem e a mulher a colherem do fruto da árvore do bem e do mal. Tal pretensão foi frustrada. Novamente irado, Ele desceu a terra e fez com que os homens falassem diversos e diferentes idiomas. Sem comunicação a construção da torre não teve sucesso.

O fim das distâncias

Espaço e tempo estão redimensionados na sociedade que vive a tecnologia 24 horas por dia.

Publicidade
Publicidade

Neste espaço de tempo, a pessoa se desloca por localidades e desenvolve atividades para as quais muito mais horas seriam necessárias em condições normais de temperatura e pressão (ambientes onde o tempo do homem anda em seu ritmo normal). Acelerar este ritmo pode ter um custo elevado.

Estamos observando o surgimento de uma geração de super-homens?

Nestas condições, dispositivos móveis, com diferentes níveis de tecnologia, permitem que a partir de qualquer local, ou a partir de qualquer hora, seja desenvolvida qualquer atividade que a pessoa deseje. O poder de aculturamento e aquisição de conhecimentos ganha um forte impulso. Parece que o homem se apequena frente a um volume de informações, nunca antes possível ao comum dos mortais. É comum a visão de crianças que antes, aos dois anos balbuciavam palavras e começavam a compor frases curtas, dissertarem sobre algum tema com liberdade e desenvoltura.

Publicidade

Aprendizagem ubíqua: uma nova realidade?

Como para tudo se dá um nome, esta nova proposta que está aí disponível para quem tem olhos para ver, ouvidos para ouvir e a fala para se manifestar. A ubiquidade é a possibilidade que uma pessoa esteja em todos os lugares ao mesmo tempo. Parece que ela representa uma das facetas que identificam a vontade que o homem tem de se tornar Deus. Este sentimento que nunca morreu, parece estar presente em todas as atitudes humanas, desde o desterro do paraíso.

Avalie o custo desta situação!

A mobilidade e a consequente ubiquidade são tornadas possíveis dentro dos limites da percepção humana, em uma projeção aceitável dentro destes limites. Então, surge como realidade a possibilidade que uma pessoa, esteja em diferentes lugares ao mesmo tempo, desenvolvendo atividades educacionais. O custo para que, aos poucos, o homem se aproxime de Deus não é barato. É preciso avaliar este custo de uma forma mais pausada e saber, de antemão que um elevado nível de estresse parece estar à espera ao final desta caminhada.

Publicidade

#Educação #Opinião

Engaje-se você também

Um tablet, algum smartphone, ou a atual mistura dos dois em um único aparelho estão esperando por você em uma loja qualquer perto de sua casa. Se tiver preguiça de ir até a loja não tem problema. Ela vende produtos em seu site de e-commerce e você pode comprar 24 horas por dia. A ubiquidade está em todos os cantos e em todos os lados. Será que ela adicionou um gramo sequer à felicidade do ser humano. Você está com a palavra.