Depois de andar quilômetros em baixo do sol, em um deserto de informações, a fonte foi localizada. Depois de utilizar algumas vezes, não é possível lhe dar as costas e retornar para a areia quente e o sol ardente. Esse é uma metáfora válida para o que algumas empresas estão fazendo com o repositório 'big data'.

Os dados transformados em informações e, estas transformadas em informações estruturadas, são o principal alimento dos setores tomadores de decisão. Levantamentos que projetavam sua evolução para 2015, colocaram a criação desses repositórios como condição sem a qual os departamentos de marketing iriam passar mais um ano a pão e água.

Publicidade
Publicidade

Os repositórios de 'big data' são tal qual um filho: filho criado, problema dobrado. Quem conseguiu chegar em um lugar, onde muitos ainda não chegaram, deve criar um processo de realimentação constante, de modo a proporcionar informações que impulsionem a melhoria do serviço ou produto oferecido ao mercado.

É preciso criar uma cadeia de fornecimento de dados, ainda que ela seja compartilhada, pois, os dados isolados nada significam. Alguém tem que trabalhar e converter esses dados em informação estruturada, o que continua a colocar sob responsabilidade do capital humano disponível, a obtenção de melhores resultados.

Não são poucos analistas e consultores que colocam atingir esse objetivo em suas orações e pedidos. Não esqueça que em correntes estabelecidas, a sua força está no elo mais fraco, não deixe que a força de sua corrente de alimentação do repositório 'big data' perca a força.

Publicidade

Seu CIO (Chief Learning Officer) precisa do apoio de todos. A responsabilidade é grande para um único ombro sustentar.

Se alguém está perdido, sem saber para onde dirigir, suas baterias de modo a permitir a melhoria da qualidade de atendimento ao mercado e aumento de vendas, já tem onde desenvolver o seu trabalho. Em 2015, crie em sua empresa uma cadeia de fornecimento de dados, ou faça convênio com alguém que a tenha. O marketing e os stakeholders agradecem. #Mídia