Indicadores dos primeiros testes da nova tecnologia demonstram que a #Internet chegará a ser 100 vezes mais rápida do que atualmente, para se ter uma ideia a expectativa de que a tecnologia seja capaz de transmitir 1GB por segundo - já com nome conhecido a Li-fi que significa literalmente "fidelidade da luz" em português, foi apresentada pela primeira vez em 2012 numa feira de tecnologia de consumo em Las Vegas (EUA).

Sobre o projeto

Há aproximadamente 4 anos, numa demonstração na Universidade de Edimburgo na Escócia, o cientista e desenvolvedor do projeto Harald Haas, mediante dados de pesquisa, afirmou que era possível transmitir mais dados por LED do que uma antena de telefonia, segundo Hass a capacidade da Li-fi se resume na iluminação e garantia de conectividade com o roteador simultaneamente por meio de lâmpadas com as característica do LED (iniciais em inglês para Diodo Emissor de Energia).

Publicidade
Publicidade

Na edição de 2012 de um evento internacional de tecnologias para consumo na cidade de Las Vegas, com uso de dois smartphones com distância entre um outro de aproximadamente 10 metros, foi realizada a demonstração com troca de dados através da intensidade proporcionada somente pela luz das telas dos aparelhos telefônicos.

Vantagens do Li-fi

Um dos pontos positivos dessa nova transmissão de dados é a segurança, superando o sistema atual Wi-fi. em relação às interferências em outros aparelhos e/ou sistemas, em contra-partida com a nova tecnologia Li-fu, é possível por exemplo sua utilização dentro de vôos comercias sem maiores problemas, segundo o cientista.

Além de oferecer um aplicativo para acesso de rede sem fio segura desenvolvido pela equipe da PureLife, empresa criada por Haas, será possível conjugar ambas as tecnologias no desenvolvimento de redes mais rápidas e seguros, com trabalho intenso para adaptação dos dispositivos da atualidade por parte de sua equipe, completa Hass.

Publicidade

Já existem diversas empresas de tecnologia interessadas na novidade e com intenção de terem seu próprio sistema, como a francesa Oledcomm. além de fabricantes já com pretensão de criarem aparelhos com sensores, já com a nova tecnologia de "Luz Li-fi", como a Samsung e a LG. #Inovação #Celular