Para quem gosta de assistir filmes e séries online, hoje (18 de novembro de 2015) o dia amanhece mais triste, pois a Polícia Federal prendeu nessa manhã dois homens responsáveis por administrar um dos maiores sites brasileiros de séries e filmes online.

Infelizmente, o conteúdo disponibilizado no site era ilegal, infringindo os direitos autorais de diversas produções nacionais e internacionais. A operação batizada de 'Barba Negra' iniciou nesta manhã com o cumprimento de dois mandados de prisão temporária, além de interrogar outras 5 pessoas em condução coercitiva, também foram cumpridos outros quatro mandados de busca e apreensão.

Publicidade
Publicidade

Segundo o site do Estadão, o grupo que gerenciava o Portal Mega Filmes HD, oferece (por enquanto) um gigantesco acervo de 150 mil arquivos de entretenimento, dentre eles: filmes, séries, shows e documentários, de forma ilegal através da internet, o site exibia também algumas séries antes mesmo de seu lançamento oficial na TV. 

De acordo com a Polícia Federal, no primeiro semestre deste ano, o portal recebeu cerca de 60 milhões de visitas mensais, deste total, 85% era público brasileiro e 15% oriundos de países como Portugal e Japão. 

Renda do site

O grupo que administrava o site não fazia isso por apenas serem "bonzinhos", ou para oferecer cultura gratuita para os visitantes. Para quem já conhece o portal, com certeza, já teve uma dorzinha de cabeça para achar o "x" verdadeiro para fechar as propagandas que ficavam em cima do player e sempre acabava clicando na propaganda e sendo direcionado para algum outro site.

Publicidade

Essa era a forma com a qual eles ganhavam dinheiro, além da abertura automática (mesmo sem clicar em nada) de sites em outras janelas/abas em segundo plano.

Bloqueio das contas bancárias

Segundo o site administradores, com a operação 'Barba Negra' as contas bancárias de sete suspeitos de fazer o gerenciamento do site foram bloqueadas e toda essa "brincadeira virtual" pode fazer com que todos eles peguem de três a oito anos de cadeia por constituição de organização criminosa, além de mais dois a quatro anos por violação de direitos autorais.

Se tudo isso já não bastasse, será cobrada uma multa (valor ainda não divulgado) pela divulgação do material na internet. #Seriados #Filme #Investigação Criminal