Parece que estamos em um filme de ficção cientifica onde podemos nos imaginar mais próximos de uma realidade que era extraordinariamente impossível de acontecer. Os carros modernos são considerados assim por possuírem suas funções como ar-condicionado, vidros elétricos, sistemas de navegação, etc, mas nada disso nos livra do trânsito nas grandes cidades. Até que, finalmente, estamos a presenciar a vinda de algo realmente esperado por todos os que sonham em sair voando daquele trânsito caótico.

Uma empresa norte-americana chamada Terrafugia fabricou o que podemos chamar de carro do futuro. O TF-X é um carro capaz de circular nas ruas e rodovias dos grandes centros, quanto voar sobre as áreas não controladas por torres.

Publicidade
Publicidade

BEM-VINDO AO FUTURO

O carro voador hibrido elétrico é capaz de decolar na posição vertical e pousar no mesmo recurso. Movido a #Gasolina, motor com potencia de 300 cavalos e dois elétricos que servem para mover as hélices, chega a velocidade em cruzeiro de 320 Km, e uma boa velocidade de voo de 800 quilômetros. Chamado de TF-X, é a grande invenção futurista da empresa Terrafugia.

SOBRE A EMPRESA

A Terrafugia foi fundada em 2006 com o intuito de inovar as formas mais seguras e acessíveis no transporte aéreo personalizado, sempre trabalhando na praticidade para o desenvolvimento de carros voadores. Foi em 2013 que a empresa deu inicio ao programa TF-X.

RECONHECIMENTO

O projeto do carro voador recebeu elogios do presidente e importante analista da ATM MOSAIC. Segundo Chris Brinton, a empresa Terrafugia traz um conhecimento fundamental e uma experiência em fabricar pequenas aeronaves com a certificação NAS (SISTEMA NACIONAL DE ESPAÇO AÉREO), bem como uma visão ousada e excitante para realmente transformar o transporte aéreo.

Publicidade

AVANÇOS NO DESENVOLVIMENTO DE PROJETOS

Desde 6 de janeiro deste ano, a Terrafugia e mais três equipes foram selecionadas pela FAA (Administração Federal de Aviação dos Estados Unidos) para fazer parte de um projeto que receberá uma engenharia de sistemas (Sistema SE2025) e estarão compromissadas em pesquisas, análises de contrato e missão. A equipe da Terrafugia é liderada pela MOSAIC ATM e será encarregada a orientar os reguladores federais sobre o futuro funcionamento do tráfego aéreo a partir do novo rumo que a aviação se encontra agora.

Agora basta esperar que este maravilhoso projeto realmente dê certo, pois na década de 80 houve um que foi abortado quando estava quase por terminar seu desenvolvimento. Um engenheiro da Boeing, em Arlington Washington, construiu um carro voador chamado de N200C1 - Sky Commuter, que foi projetado pela empresa Flight Innovation. Foram gastos cerca de 6 milhões de dólares vindos de investidores interessados nas pesquisas e fabricação que se deu em apenas três unidades.

Publicidade

A fábrica fechou, e por razões estranhas, os carros e tudo o que havia nela foi destruído ou tomado por credores. Isso foi uma pena na época. O carro lembra, e muito, os drones de hoje, com dois lugares de motor híbrido movido a gás/elétrico e sua função para voo é também na posição vertical. Uma empresa chamada PRATTESGRIL comprou através do Ebay por R$ 395.000 o único exemplar que não foi destruído porque não se encontrava na fábrica.

 Resta saber se nada de errado acontecerá com o projeto do FT-X. #Inovação #Comunicação