O Campus da #Google no Brasil está a procura de talentos na área da tecnologia. A maior empresa do mundo em tecnologia, com recente aceleradora inaugurada no país está em busca de novas ideias na área da inovação tecnológica.

O espaço será aberto em meados de fevereiro, mas as startups que quiserem participar já podem fazer inscrições no site da empresa. O anúncio foi feito pelo novo diretor, André Barrence. A empresa quer  descobrir e desenvolver novas ideias e #Negócios, a exemplo como foi com o aplicativo weze, que dá ao usuário coordenadas a que caminho seguir, bem mais específico do que o GPS convencional.

A estrutura não poderia ser diferente, com toda infraestrutura pensada para desenvolver ideias, com todo o suporte da mega empresa. Com esse espaço montado no país, a Google tem como meta achar novas startups de sucesso, ou seja, ideias inovadoras que poderão se tornar em grandes oportunidades de negócios.

Publicidade
Publicidade

No inicio será investido pela Google 50 mil dólares para cada startup, cerca de 200 mil reais. São para o desenvolvimento de ideias como essa que as instações da empresa em São Paulo existe. Um espaço destinado ao aperfeiçoamento de startups, com toda a infraestrutura disponível para colocar as ideias inovadoras em pleno evolução.

Empresas startups são aquelas reúnem um grupo de pessoas em torno de uma ideia ou à procura de um modelo de negócios, que seja altamente rentável, com pouco custo no investimento e que seja multiplicável. Mas tudo isso paira dentro de uma grande incerteza. Nesse tipo de negócio nada garante que tudo ao final da ideia finalizada fará do negócio um sucesso. É meio que atirar no escuro.

Esse tipo de mercado está em alta no brasil, com R$ 784 milhões investidos no setor, pelo os chamados investidores-anjos, que são aqueles que acreditam na ideia e asa bancam.

Publicidade

A Google entra nesse negócio investindo alto, acreditando em lucros ainda maiores.

Esse é o primeiro campus  aberto no Brasil e o sexto no mundo. Além de São Paulo a Google está presente com essa mesma estrutura em outras cinco cidades: Londres, Tel Aviv, Seul, Varsóvia e Madrid.