Mais de 700 mil pessoas já assinaram a petição online contra a medida anunciada pelas operadoras de #Internet que estabelece uma franquia de dados nas assinaturas de banda larga fixa no País. Na prática, trata-se do mesmo procedimento adotado na internet móvel. Quando o consumidor atingir o limite contratado, poderá ter a velocidade reduzida ou o sinal cortado. Nesse caso, ele será obrigado a comprar um pacote adicional de dados.

Quem possui planos antigos não deverá ser atingido pela nova política das empresas, pelo menos por enquanto. Porém, é importante que o consumidor fique alerta ao receber propostas para migrar de planos.

Publicidade
Publicidade

Antes de aceitar é importante questionar o atendente se a mudança não acarretará na instituição de uma franquia.

A princípio, se acreditava que a medida afetaria as conexões do tipo ADSL, aquelas em que o sinal de internet chega pela linha telefônica do usuário. Porém, a Vivo já estendeu a medida também para os planos do seu serviço por fibra ótica. O pacote “mais potente” da operadora oferece velocidade de 300 MBPS e uma franquia de 300 GB, que pode ser insuficiente para quem fica mais de 4 horas diárias em serviços como Netflix e Youtube.

A assistente administrativa Andréa Galvão está preocupada que essa nova regra acabe sendo ampliada também para contratos antigos. Atualmente, ela possui um plano antigo da GVT, que acabou de ser adquirida pela Vivo, com velocidade de 15 MBPS, sem limite de dados, pelo qual paga pouco mais de R$ 60,00 mensais.

Publicidade

“Em casa cancelamos a TV por assinatura e pouco assistimos os canais abertos. A maior parte do tempo estamos conectados à Netflix. Se a medida passar a valer para planos antigos, teremos que contratar o plano mais caro da Vivo, que custa 5 vezes mais caro, e se bobear ainda não vai ser suficiente para todo o mês”, assinala.

Consumo de dados

Assistir a um filme com imagem em HD no serviço de streaming pode consumir até 3 GB de dados por hora. Para quem fica quatro horas conectado no serviço de streaming isso significa um consumo mensal de 360 GB. Além disso, não se pode esquecer o consumo gerado quando estamos acessando um site qualquer, as redes sociais e contas de e-mails.

Leia mais sobre a franquia de dados aqui.

Leia mais sobre novidades no Netflix aqui.