A camisinha de látex, amplamente difundida nos dias atuais, apresenta o mesmo problema há décadas: pode estourar sob pressão. Pensando em evitar essa situação, uma empresa da Suécia elaborou um novo preservativo que lembra a pele de uma cobra. 

O modelo batizado como Hex inicialmente lembra qualquer camisinha comum, porém é possível perceber uma série de pequenos hexágonos (por isso o nome Hex) na superfície.

Segundo o fabricante, são mais de 300 pequenos hexágonos nas partes interna e externa que, em tese, garantem mais segurança ao mesmo tempo que possibilitam maior sensibilidade aos usuários. 

O fundador da companhia Lelo, responsável pelo produto, concedeu uma entrevista ao site Tech Insider, na qual explica que a nova tecnologia possibilita com que a camisinha suporte mais pressão do que os modelos convencionais.

Publicidade
Publicidade

Nos testes realizados, o novo preservativo foi esticado em seis direções diferentes, não se rompendo em nenhuma delas. Até mesmo quando o material é perfurado, o dano fica concentrado e não causa nenhum tipo de estouro. 

Atualmente, as camisinhas são produzidas a partir de um molde mergulhado em látex. Para a produção da Hex, o processo foi alterado. Utiliza-se uma mistura plástica na qual o molde é mergulhado duas vezes, aumentando a resistência. 

O executivo da Lelo faz uma comparação com pneus utilizados em corridas de Fórmula 1. "Os pneus de chuva têm uma superfície texturizada justamente para aumentar a fixação na pista e evitar as derrapagens", explica. 

No final do processo produtivo, a camisinha Hex fica cerca de meio milímetro mais grossa que a tradicional, além de ser mais escura.

Publicidade

O resultado é um produto mais caro. Um pacote contendo 36 unidades acompanhando de um pote de creme para hidratação custa R$ 245,00. De acordo com o site da empresa, o frete é gratuito para pedidos realizados no Brasil. 

O alto preço não assusta o fabricante que aposta na novidade e na exclusividade para atrair a atenção dos consumidores que buscam uma proteção extra nos momentos de maior intimidade. #Negócios