A Nintendo chegou a ver seus lucros aumentar após lançar o moderníssimo "Pokémon Go", que é um game de realidade aumentada. Acontece que foi a própria Nintendo que revelou que não é a criadora do "Pokémon Go", e isso fez com que suas ações caíssem. A empresa confirmou que detém somente 32% da "The Pokémon Company", significa que toda a fortuna gerada por esse game incrível, somente um terço irá para os cofres da Nintendo. A notícia caiu como uma bomba e fez as ações da empresa despencarem rapidamente na bolsa de Tóquio.

Nesta segunda-feira (25), as ações da Nintendo sofreram uma desvalorização de 17%, chegando muito próximo ao limite que é permitido na bolsa de Tóquio, que é de 18%, e assim a Nintendo passa a valer menos de 708 milhões de ienes, o que equivale a cerca de 6 milhões de euros.

Publicidade
Publicidade

"Pokémon Go", o game que está conquistando o mundo e revolucionando a forma das pessoas jogares, é uma parceria entre a Niantic e a The Pokémon Company. Basta repararmos bem para percebermos que a logomarca da Nintendo não aparece em momento algum no game, só que muita gente associa a marca ao game, inclusive, muitos dos investidores. Assim surgiu e cresceu a ideia equivocada de que "Pokémon Go" pertença à Nintendo.

O que realmente pertence à Nintendo é o "Pokémon Go Plus", esse sim vai dar um bom lucro à empresa.

A Nintendo é uma empresa japonesa especializada em jogos eletrônicos e seu nome tornou-se sinônimo de diversão. Graças à qualidade de seus produtos, a empresa leva seus games ao mundo inteiro e sempre tem sucesso nas vendas, o que fez dela uma das maiores do setor. A história dessa empresa começou em 1889, quando Fusajiro Yamauchi começou a fabricar cartões de forma artesanal e só em 1917 é que conseguiu construir a primeira sede da empresa, que a partir daí não parou mais de crescer.

Publicidade

Foi no ano de 1989 que a  Nintendo lançou o "Game Boy", seu primeiro portátil, e assim começava o estrondoso sucesso da franquia "Pokémon", que trouxe o "Game Freak". Em 1996, a empresa voltou a faturar com os jogos de "Pokémon" com o lançamento do "Game By Pocket", uma versão reduzida da original e que novamente garantiu ótimas vendas. #Crise #Nintendo Games