Os fãs do mais novo jogo de realidade aumentada da Nitendo, o Pokémon Go vão precisar segurar a ansiedade um pouco mais: em entrevista à Reuters, o CEO da Niantik, John Hanke, informou que o jogo só chegará ao Brasil em dois meses. A informação foi divulgada pelo site especializado em tecnologia e games TecMundo. No momento, o jogo está liberado apenas para Estados Unidos, Austrália, Alemanha, Inglaterra e Nova Zelândia. A empresa trabalha para expandir o jogo para 200 países, em breve. Este tempo de dois meses é dado com base em um outro jogo de realidade expandida, criado pela empresa e que levou mais ou menos o mesmo tempo para atingir a quase totalidade de países.

Publicidade
Publicidade

Segundo o TecMundo, após a entrevista com a Reuters, as ações da companhia aumentaram o valor em 10%, aumentando o valor da empresa em US$ 17 bilhões em apenas uma semana.

Através da câmera do celular, os jogadores capturam os "monstrinhos" em lugares reais. Para isso, é preciso se movimentar. E foi nestas "aventuras" que os "heróis" vivenciaram as situações mais bizarras.

No mundo "real"

Uma pesquisa pelo Google revela as bizarrices que aficionados pelo jogo cometeram nas aventuras para capturar pokémons. 

Em Missouri, Estados Unidos, a polícia prendeu quatro suspeitos acusados de assaltar jogadores. Segundo os policiais, os suspeitos atraíam jogadores para lugares afastados e ali assaltavam seus pertences.

Em outra região dos Estados Unidos, ao tentar capturar um pokémon aquático, uma jogadora encontrou um cadáver.

Publicidade

Ainda, nos Estados Unidos, um jovem foi esfaqueado enquanto estava distraído na captura de um dos animaizinhos. Também foi registrada a notícia de quem um jovem caiu em um penhasco, enquanto jogava.

No mundo virtual

Segundo informações na rede, o mundo virtual também foi afetado pelo fenômeno: no Spotify, a busca pela música de abertura do desenho teve aumento de 362% desde o lançamento do jogo. Outros interessados, ao tentarem baixar o jogo, baixaram um vírus que infectava os aparelhos. E, ainda tiveram os que confundiram um app japonês e baixaram pensando que era o jogo. #Android #Jogos #Blasting News Brasil