A onda do momento, em todos os países em que foi lançado, é o aplicativo de jogo para dispositivos móveis #Pokémon Go.A febre dos bichinhos da Nintendo está mais forte do que nunca, com mais de cem milhões de jogadores no mundo todo.

O jogo foi liberado no Brasil na última semana e já virou mania entre pessoas de todas as idades e classes sociais, gerando inclusive serviços como vans para parques para caçar Pokémons e mesmo moto-táxis que fazem uma espécie de tour urbano na busca dos melhores monstrinhos virtuais. Muita gente procura por #Dicas e truques e aqui veremos alguns para realizar dentro do jogo que ajudarão a alçar voos mais longos na sua carreira de mestre Pokémon.

Publicidade
Publicidade

A primeira dica é que no começo do jogo aparecem três dos mais famosos Pokémon para se começar: Bulbasaur, Charmander e Squirtle. Mas dá para conseguir de primeira o mais famoso deles: o Pikachu.

Como? Assim, basta não capturar nenhum dos três que são oferecidos, caminhando para longe deles, até que depois de um tempo vai surgir um Pikachu no seu mapa, lépido e faceiro, pronto para ser capturado.

A segunda dica é mais marota. Existem ovos de Pokémon que são recebidos nas Pokéstops, junto com pokébolas e outros itens. Estes ovos necessitam que se caminhe dois, cinco ou dez quilômetros para que sejam eclodidos. E o jogo é esperto e desconsidera a quilometragem feita em carros, motos e até mesmo bicicletas.

Para burlar isso, basta colocar o celular ou tablet em cima de um toca-discos (aquela velha vitrola vai te ajudar!) e deixar ali girando, que o "odômetro" vai andar devagarinho. Dá para também fazer isso com um ventilador de teto na velocidade mínima, mas o risco do celular ou tablet saírem voando é grande.

Publicidade

O toca-discos demora mais, mas não oferece esse risco. Quem gosta dos Pokémons do tipo "água" deve procurá-los perto de rios, lagos e praias. E os do tipo "fantasma" serão mais vistos em zonas próximas aos cemitérios. Sinistro, não?

Já em zonas urbanas, os mais comuns serão Pidgey (uma espécie de pomba, de tanto que aparece), Rattata (um ratão) e Zubat (um morcego). O bom de pegar muitos Pidgey é que eles evoluem facilmente, e a cada evoluída se ganha uma quantidade boa de pontos de experiência (XP). Outra dica, a evolução do Pokémon Eevee pode ser para outros três: Jolteon, Vaporeon e Flareon.

Normalmente ela ocorre de maneira bem aleatória, isso é, não há como prever e qualquer uma das evoluções podem acontecer. Porém dá para escolher com essa dica sapeca e não precisar contar com a sorte. O segredo para isso é renomear o seu Eevee como "Sparky", "Rainer" ou "Pyro" (sem as aspas e respeitando as maiúsculas e minúsculas), que ele irá evoluir para Jolteon, Vaporeon e Flareon, respectivamente.

Publicidade

Os nomes são uma forma de homenagem ao anime original Pokémon, onde um treinador que possuía as três formas deu esses nomes aos monstrinhos. Fora isso, cuide sempre onde jogar, afinal, há muitos riscos nas ruas brasileiras (buracos, carros e motos em velocidade e roubos), especialmente nas grandes cidades. #Internet