A epidemia iniciou! Na última quarta-feira (3), finalmente o famigerado Pokémon Go pousou em terras brasileiras. Não demorou muito e várias situações inusitadas começaram a acontecer, situações essas já vistas em outros países: roubos, crimes, atropelamentos e coisas do tipo. Vale ressaltar, contudo, que esses eventos são isolados e pontuais, não podendo ser generalizados de forma alguma: maioria esmagadora dos jogadores ou “treinadores” de Pokémon Go estão tendo horas e horas de diversão, interação e entretenimento, bem como de #Celular descarregado em 30 minutos e dados móveis esgotados em 2 dias. 

Mas e você que, diante deste enorme ciclo social criado pelo jogo, percebeu-se excluído pelo fato de o seu celular ser fraco demais para Pokémon Go? O que fazer quando você é o único ser humano caminhando pela calçada sem estar totalmente fixado na tela de seu celular? Se o dinheiro é curto e a possibilidade de adquirir um novo aparelho é remota, talvez a solução seja experimentar um aplicativo semelhante.

Publicidade
Publicidade

A seguir você confere 5 #Aplicativos que, embora passem longe da mecânica trazida por Pokémon Go, podem te dar o gostinho agradável dessa tal de “#Realidade Aumentada”.

5 – Catch Simulator for Pokémon Go

Não se empolgue… a semelhança se limita ao título. Este singelo aplicativo (que não se trata exatamente de um jogo) permite que você capture alguns monstrinhos com uma pokébola. Ele utiliza a câmera de seu celular e insere algumas criaturas na tela. Você só precisa lançar a pokébola e capturar o monstrinho, mas esqueça de Pikachu, Squirtle ou Charmander: os monstrinhos apresentados aqui são criaturas desconhecidas e inanimadas, feitas apenas para servir como alvo. Talvez você consiga alguns instantes de diversão. Além disso, provavelmente o aplicativo funciona em qualquer celular com câmera.

Publicidade

4 – Bounce Ball (AR Basketball)

Se Pokémon Go não faz o seu estilo de jogo, talvez sua preferência seja por esportes. Neste pequeno aplicativo, você transforma qualquer área de sua casa em uma quadra de basquete (o que na verdade se resume a uma bola e uma cesta). Com um celular simples e uma câmera qualquer, o jogo rodará sem problemas.  

3 – Kick Ball (AR Soccer)

Mas então a sua praia não é o basquete, mas sim o futebol. Neste aplicativo (que na verdade só substituiu a cesta por um gol e a bola de basquete por uma bola de futebol), você poderá experimentar dar alguns chutes em uma bola feita por realidade aumentada.

2 – SpecTrek

Da mesma forma que Pokémon Go, este jogo utiliza a sua localização para te inserir em um mapa virtual repleto de fantasmas. Basicamente, o que você precisa fazer é encontrar fantasmas pelo mapa, e sim, diferentemente dos outros jogos apresentados até agora, você precisa andar para encontrar os fantasminhas. Se melhor trabalhado e desenvolvido, pode se tornar um jogo muito bom. 

1 – Ingress

O mais famoso da lista e provavelmente o que mais se beneficiou com Pokémon Go.

Publicidade

A lógica do jogo é extremamente semelhante a este, visto que a empresa desenvolvedora de ambos é a mesma (Niantic). Alguns afirmam que Ingress foi o embrião de Pokémon Go, de onde tudo começou. Aqui, contudo, os Pokémons foram substituídos por luzes de energia e os ginásios se transformaram em portais por ondem vazam grandes quantidades de energia. Seu objetivo é se juntar a uma equipe (Iluminados ou Resistência) e ter o controle sobre estes portais espalhados pela cidade. Sim, você precisa andar, e sim, você precisa capturar luzes de força espalhados pela sua cidade. Com certeza o jogo mais completo da lista. Vale ressaltar que ele não utiliza a câmera de seu celular, apenas o GPS (fato que economiza significativamente a bateria, se comparado com Pókemon Go)