"Pokémon Go" é um game de realidade aumentada que conquistou pessoas do mundo inteiro. Com esse jogo, ao invés de ficar em casa por horas focado nos desafios do game, você precisa sair para as ruas à busca de pokémons. Os monstrinhos estão pelas praças, avenidas e em vários outros lugares, então é preciso andar bastante para conseguir capturá-los, além é claro, de participar dos muitos outros desafios como os ginásios, etc. O problema é que "#Pokémon Go" pode estragar o GPS do seu smartphone, pois em uma recente atualização do aplicativo foi adicionada uma nova funcionalidade que acaba fazendo com que a precisão que o aparelho tem para oferecer uma geolocalização precisa seja danificada.

Publicidade
Publicidade

Uma pessoa que costuma jogar "Pokémon Go" relatou que, antes, ele utilizava o aplicativo "Map My Run" e que funcionava perfeitamente, mas que, agora, o APP está precário e as informações fornecidas através do GPS não são mais confiáveis. A função do "Map My Run" é mostrar, em tempo real, o caminho que o usuário fez, assim ele pode ficar sabendo a distância percorrida, ou quais lugares por onde já passou, entre muitas outras funcionalidades.

Depois da recente atualização do "Pokémon Go", o GPS do smartphone ficou danificado e o usuário pode observar que não só o caminho por onde ele passou estava errado, como também a informação sobre a distância percorrida, pois já tinha se locomovido por quase 3 quilômetros e o #Celular indicava que eram apenas 1,8 quilômetro andado.

Publicidade

A Niantic já foi informada sobre o problema, mas, até o momento, ainda não se manifestou. O caso é grave, porque os usuários que tiverem o GPS do celular danificado por causa do game, poderão entrar na Justiça pedindo um novo parelho, o que resultaria em um gasto altíssimo com indenizações.

Desde o seu lançamento, “Pokémon Go” vinha sendo apontado como um game perigoso, justamente por fazer com que a pessoa saia de casa e saia pelas ruas prestando atenção no jogo e não ao que acontece ao seu redor, o que aumenta a possibilidade de ocorrerem acidentes.

Agora, o game de realidade aumentada é acusado de danificar o smartphone e, se o problema não for rapidamente corrigido, poderá fazer com que um grande número de pessoas desinstalem o aplicativo nos próximos dias. #Tecnologia