Muita gente sonha em ser astronauta, poder voar pelo espaço, ver a Terra lá de cima, contemplar cenários que pouquíssimos terrestres poderão ver um dia, mas nem tudo é perfeito, pois tem um problema que está enlouquecendo os cientistas da NASA: eles não sabem o que fazer com o cocô dos astronautas. Imagine você, em uma missão espacial, a milhares de quilômetros de distância do banheiro de sua casa e de repente vem aquela dor de barriga. O que fazer nessa hora? Quem tiver uma boa resposta vai ganhar US$ 30 mil e você também pode participar.

No espaço, devido à falta de gravidade, tudo é muito mais complicado. Beber um copo d'água, dormir, se alimentar, tudo que para nós é feito diariamente com grande facilidade, para os astronautas é complicado.

Publicidade
Publicidade

Imagine então o que eles precisam fazer quando sentem vontade de ir ao banheiro. Aliás, lá nem banheiro como o nosso tem. É que se o astronauta usasse um banheiro comum, como o da nossa casa, os fluidos ficariam flutuando por toda nave, imagina só a confusão que seria.

Atualmente, para resolver o problema, a NASA utiliza um sistema de sucção, ou seja, quando o astronauta quer fazer xixi, eles utilizam uma mangueira que suga a urina que vai para um local especial, onde é feita a reciclagem e esse xixi se transforma em água potável.

No caso do cocô, também tem uma mangueira de sucção, só que as fezes são transportadas para um local onde ficam armazenadas e a cada 10 dias tudo é eliminado na atmosfera da Terra, só que nada cai aqui porque pega fogo, como se fosse uma estrela cadente.

O problema todo é durante o lançamento dos foguetes, em que o astronauta precisa ficar com aquela roupa por até 10 horas.

Publicidade

Aí não tem outra solução, eles são obrigados a usar a boa e velha fralda.

Foi por isso que a #Nasa lançou a "Space Poop Challenge", uma competição que visa encontrar um método inovador para resolver o problema. É preciso criar uma #Tecnologia que seja integrada ao traje espacial dos astronautas. Quem apresentar o melhor projeto fatura US$ 30 mil.

Será que você tem uma ideia para ajudar os astronautas?

#Curiosidade