A degradação da #Saúde e, com o passar dos anos, a morte - embora façam parte do ciclo natural da vida humana - sempre foram eventos com os quais a raça humana nunca se conformou. Tanto que, ao longo da trajetória humana, já se tentou desenvolver formulas da juventude, ou elixir da vida. Há também quem espere um renovo, por intermédio de crenças de vida pós morte.

Com o crescente avanço tecnológico, a #Ciência ainda não deixou de lado este sonho. A busca pela imortalidade humana tem alavancado muitos estudos, os quais têm trazido resultados muito promissores até o momento, embora, a tão sonhada imortalidade ainda não seja uma realidade.

Publicidade
Publicidade

Estudos realizados por cientistas russos em busca da imortalidade têm sido muito promissores. Embora a fórmula não tenha sido encontrada. muito já se conquistou a partir de tais estudos, como por exemplo, métodos que melhorem a qualidade de vida em até 30%, trazendo o rejuvenescimento, que consiste na coleta de 100 ml da medula, congelamento do líquido, rico em células-tronco, para futuro reimplante no próprio dono do material, ocasionando uma restauração em todo o sistema celular do paciente, retardando o envelhecimento e conferindo melhorias na atividade física. Este estudo foi desenvolvido pelo pesquisador Aleksêi Karnaukhov, do Instituto de Biofísica Celular da Rússia, que foi cobaia do próprio estudo.

Aleksêi Karnaukhov acredita que este procedimento, relativamente natural, pode retardar tanto o envelhecimento como proporcionar uma velhice com maior qualidade de vida.

Publicidade

Outros estudos em paralelo também são realizados pelo Instituto de Biofísica Celular da Rússia neste âmbito, como medicamentos para a cura de diversas enfermidades, colírios capazes não só de curar cataratas, como também recuperar totalmente a saúde ocular e preservá-la até o fim da vida. Anatóli Bruchkov, desenvolvedor do colírio, também foi cobaia dos próprios estudos e relata que seu experimento o curou da catarata que estava o deixando cego.

É muito comum entre os cientistas fazerem-se cobaias dos próprios estudos, contudo, ainda se busca conseguir, em um futuro muito próximo, retardar drasticamente o envelhecimento celular, a partir de estudos nas funções das mitocôndrias, isolando sua função oxidante, a fim de garantir a vitalidade e aparência jovial do paciente até o fim da vida.

Avanços promissores e ambiciosos como estes significam uma esperança de maior qualidade de vida a toda humanidade, com alternativas mais eficazes e menos intoxicação com medicamentos ineficientes, como acontece atualmente.

Publicidade

Assim, a velhice, em um futuro próximo, pode não mais ser sinônimo de fraqueza ou invalidez, tornando possível a todos uma vivê-la de forma saudável e feliz.

Por outro lado, deve-se buscar a realidade dos fatos, pois infelizmente quem detém poder e financia esse tipo de pesquisa tende a cobrar um valor muito alto do consumidor final, privando os menos afortunados de "beber da fonte da juventude" e conquistar a saúde tão sonhada por muitas pessoas ao redor do mundo. #Tecnologia