Olhando para a lista de senhas mais comuns de 2016, levando em consideração 10 milhões de combinações vazadas em violações de dados, uma empresa de segurança digital que anualmente realiza uma pesquisa de segurança nas redes constatou um fato inacreditável: quase 17% das pessoas ainda utilizam como senha de segurança a sequência “123456”.

Apesar de todas as recomendações dos mais variados setores no #Mundo inteiro, cujo serviços precisam de uma senha para serem ativados (como bancos, lojas. e-mails, redes sociais e sites, por exemplo), ainda tem muitas gente que escolhe senhas óbvias e passíveis de serem hackeadas (roubadas).

Ainda de acordo com a pesquisa, a lista de senhas mais usadas frequentemente mudou pouco nos últimos anos. Isso mostra que ainda falta muita informação e orientação aos usuários.

Dados pessoais descobertos em segundos

Embora seja importante os usuários estarem ciente dos riscos, uma minoria considerável nunca irá gastar um tempo ou se esforçará um pouco mais para se proteger.

O estudo descobriu que, entre as senhas mais populares de 2016, estão as combinações “123456”, “123456789” e até as palavras “senha”, em inglês (8° no ranking), e “google” (21° lugar no ranking).

Em 2015 as senhas mais populares descobertas por essa mesma empresa de #Tecnologia incluíam “futebol”, “macaco” e a febre da época, “starwars”. O mais curioso é que a partir de e-mails e redes sociais muitas coisas podem ser descobertas sobre os usuários, desde dados pessoais e locais frequantados até dados financeiros.

Ranking com as 25 senhas mais populares

  • 123456789
  • qwerty
  • 12345678
  • 111111
  • 1234567890
  • 1234567
  • password
  • 123123
  • 987654321
  • qwertyuiop
  • mynoob
  • 123321
  • 666666
  • 18atcskd2w
  • 7777777
  • 1q2w3e4r
  • 654321
  • 555555
  • 3rjs1la7qe
  • google
  • 1q2w3e4r5t
  • 123qwe
  • zxcvbnm
  • 1q2w3e

Portanto, os pesquisadores alertam: nada de senhas sequenciais de seis dígitos, que podem ser detectadas em questão de segundos por softwares espiões. #hacker

Saiba como se proteger

  • Ao criar uma senha, misture letras (maiúsculas e minúsculas), símbolos e números;
  • Jamais utilize senhas antigas;
  • Use senhas que podem virar siglas, como por exemplo uma frase inteira. Ex: “Paguei 30 reais no meu Pen Drive”, que ficará “Pa30$nmPD”.