Segundo informações da Agência Efe, a Samsung Electronics vai incorporar mais um fornecedor de baterias: uma divisão da japonesa Sony. O novo fornecedor chega bem no momento em que a companhia dá os últimos passos para lançar oficialmente o aguardado #Galaxy S8.

De acordo com as notícias divulgadas até o momento, com a incorporação da divisão de baterias da Sony, a #Samsung, que atualmente ocupa o posto de maior fabricante de dispositivos móveis, mais especificamente de smartphones, provavelmente passará a fazer uso das baterias de íons de lítio da japonesa. Alguns sites especializados no setor têm afirmado que isso se trata de um movimento para tentar deixar para trás os problemas que aconteceram em 2016.

Publicidade
Publicidade

Na época, foi necessário que a companhia retirasse do mercado o Galaxy Note 7, que começou a apresentar problemas chegando a explodir.

Os problemas com o Galaxy Note 7

Em 2016, os defeitos nos dispositivos começaram a aparecer poucos dias após o início das vendas. Segundo informações vindas de uma pesquisa feita pela própria Samsung, o problema do Note 7 estava mesmo na bateria.

O custo desse incidente para a Samsung ficou em torno dos 5,3 bilhão de dólares e, como conseqüência, causou a interrupção por completo da produção dos aparelhos apenas dois meses após o lançamento.

O que de fato se tem conhecimento até agora é que a Samsung Eletronics conta com os serviços de dois fornecedores, a Samsung SDI e a Amperex Technology, com sede em Hong Kong.

Mesmo não tendo nada muito detalhado até agora, algumas fontes indicam que a agregação do novo fornecedor é mesmo um fato.

Publicidade

Mais mudanças

Enquanto isso, a Sony Energy Devices, filial do setor de baterias de um conglomerado de empresas do Japão, irá se tornar parte integrante de uma divisão de uma fabricante de componentes chamada Murata Manufacturing quando, até o fim deste ano, a venda for completada.

A Sony começou a atuar no setor de baterias em 1975. Com o passar dos anos conseguiu se fixar e solidificar no mercado de baterias de íons de lítio. Entretanto, nos últimos tempos ela começou a perder espaço e vantagem de mercado com relação a alguns concorrentes.

Lançamento do Galaxy S8

Já sobre o lançamento do Galaxy S8, a Samsung já informou que não irá lançar o aparelho na MWC2017. A título de curiosidade será a primeira vez que a companhia não seguirá a tradição de lançar um flagship em um evento de Barcelona.

A expectativa é que o Galaxy S8 seja lançado no dia 29 de março de 2017. #Lançamento Samsung