Publicidade
Publicidade

O aplicativo de mensagens instantâneas #WhatsApp acaba de ''banir'' o uso de três de seus emojis. Os ícones, no entanto, seguem na lista de emojis do aplicativo e apenas não poderão ser utilizados no nome do usuário, por razões de segurança.

Caso algum usuário tente utilizar estes emojis, o aplicativo automaticamente removerá a figurinha. A mudança já está em vigor na nova atualização do WhatsApp, segundo o WABetaInfo.

Os emojis em questão são aqueles que representam vistos; a razão para o banimento de tais figurinhas em nomes de usuários é que o uso das mesmas pode induzir as pessoas a entender que aquela conta é verificada como autêntica, fazendo com que qualquer usuário possa se passar por uma empresa, celebridade ou figura pública.

Publicidade

Em contrapartida, o WhatsApp pretende oferecer um selo de autenticidade para todas as contas corporativas, na versão do aplicativo para empresas.

Confira abaixo o tweet da WABetaInfo, que costuma testar os novos recursos das atualizações do WhatsApp, a respeito dos emojis ''proibidos'':

Recurso de mensagens apagadas tem falha e pode ser burlado

Se você já morreu de curiosidade ao perceber que recebeu uma #mensagem apagada antes mesmo que você pudesse ler, graças ao novo recurso do app, saiba que existe uma falha no desenvolvimento desta funcionalidade. A nova função, que permite ao usuário que enviou a mensagem apagá-la antes mesmo que o destinatário a leia [VIDEO], não torna a mensagem apagada completamente invisível.

Publicidade

''Está mensagem foi apagada'', informa o app. Assim, o destinatário sabe que o remetente lhe enviou algo. E agora também é possível ler o que ele enviou.

Apenas presente no sistema operacional Android 7.0 ou superior, a falha permite que o usuário que recebeu a mensagem apagada leia uma versão resumida da mesma através do registro de notificações do sistema, que pode ser acessado pelo menu de configurações do Android, ou ainda com o auxílio de aplicativos como o Nova Launcher.

Durante o desenvolvimento do novo recurso, a equipe do WhatsApp fez questão de retirar os alertas de que uma mensagem havia sido apagada pelo remetente, no entanto, parece ter se esquecido de que a função não se estenderia ao registro de notificações em si.

Embora só seja possível ler os primeiros 100 caracteres da mensagem, esta falha já é capaz de ''entregar'' muitas mensagens enviadas por engano ou que causaram algum arrependimento ao remetente. Portanto, ainda vale a pena tomar cuidado com as mensagens que você envia. #Tecnologia