Espera-se que no primeiro semestre de 2015, a Irlanda legalize o casamento gay, sabendo-se de antemão que mais de 50% da população é a favor. Entre essas pessoas está o ator de Minority Report e Alexandre, O Grande - Colin Farrel - que saiu em defesa da legalização por causa de seu irmão mais velho, Eamon Farrel, que deseja oficializar o seu relacionamento com o namorado em solo irlandês, já que são casados no Canadá. Colin enviou uma carta ao jornal local Sunday World em defesa da causa, dizendo que é totalmente insano a Irlanda ainda não ter legalizado o casamento gay e seu irmão precisar fazer isso em outro país. O casamento na Irlanda é um sonho para o seu irmão Eamon.

Publicidade
Publicidade

Segundo pesquisas com a população, a grande maioria é a favor da legalização o que poden significar que o sonho de Eamon estará perto de ser concretizado. Colin disse que sempre percebeu algo diferente em seu irmão mas que não entendia pois não tinha referências sobre a homossexualidade. Eamon diz que o seu irmão mais novo sempre agiu com dignidade e integridade diante das ameaças, escárnios e violência das pessoas que não aceitavam. Declarar-se a favor que a Irlanda legalize estes casamentos é dar aos países que ainda não o fizeram a oportunidade de se espelharem no avanço, "no avanço para a luz", segundo palavras do próprio Colin. A pedido do seu irmão, o ator ainda fez uma declaração no Facebook.

Atualmente 14 países têm o casamento gay legalizado: França (maio/2013), Uruguai (abril/2013), Nova Zelândia (abril/2013), Dinamarca (junho/2012), Argentina (julho/2010), Islândia (junho/2010), Portugal (junho/2010), Suécia (abril/2009), Noruega (janeiro/2009), África do Sul (novembro/2006), Canadá (julho/2007), Espanha (junho/2005), Bélgica (junho/2003) e Holanda (julho/2001).

Publicidade

A Irlanda é um Estado soberano da Europa que ocupa cinco sextos da ilha homônima, sua capital é Dublim, tem uma população de 4.595 milhões de habitantes (2013), seu idioma é o irlandês e inglês, e a nível religioso encontramos 94% de cristianismo e 6% de outras religiões.

Recentemente foi feito um referendo a respeito do casamento homoafetivo, e nas palavras do Ministro Enda Keny é um novo passo a favor dos Direitos civis. Para um país onde até 1993 era crime ser homossexual, esse será realmente um grande avanço nas terras irlandesas. #Famosos #Opinião