Girls, série exibida pelo canal HBO, começou sua quarta temporada domingo, dia 11, tanto nos Estados Unidos quanto no Brasil. Enquanto alguns dos conflitos das personagens foram resolvidos, crescer não parece algo fácil. Lena Dunham, criadora, roteirista, diretora e protagonista de Girls afirmou que essa temporada será marcada pelas personagens tomando decisões inteligentes, mas descobrindo que, apesar disso, a vida continua difícil.

Com decisões inteligentes e vida dura e difícil, a quarta temporada se mostra uma época ainda mais crível para série. Se até então cada personagem tinha traços estereotipados para representar determinadas características, aos poucos elas devem conseguir criar mais empatia com os telespectadores por meio de suas histórias e seus sentimentos.

Publicidade
Publicidade

Os rumos da história

No início da quarta temporada, vemos Hannah (Lena Dunham) se mudar para a cidade de Iowa, no centro-oeste americano, para fazer uma oficina de escritores e tentar se tornar "a voz de sua geração", que é seu sonho. A terceira temporada já terminou induzindo a esse início. E essa mudança promete deixar a série com um ar novo, já que será a primeira vez que não terá todos os episódios ambientados apenas em Nova York.

Lena Dunham afirmou que foi bastante divertido gravar em Iowa por colocar Hannah em situações diferentes do comum e mais complexas, além de trazer um novo mundo para a série. Foi algo como uma série derivada. Hannah sempre foi acostumada a ficar nos mesmos espaços e cenários, por isso será interessante vê-la viver em um outro ambiente, num local que ninguém a conhece e ver o que pensam sobre ela.

Publicidade

Isso, claro, será combustível para cenas cômicas, como o momento em que ela descobre que pode alugar uma casa enorme em Iowa e gastar pouco - enquanto em Nova York é necessário gastar muito em aluguel para viver em lugares minúsculos.

Já Marnie (Allison Williams), ainda no Brooklyn, em Nova York, enfim descobre o que quer fazer da vida: cantar. Além de começar a perseguir o seu sonho de ser cantora, a história de Marnie também mostrará o andar de seu relacionamento com Desi (Ebon Moss-Bachrach) e o quanto ela está confortável com ele. Shoshanna (Zosia Mamet) termina a faculdade, se forma e sai em busca de emprego. Jessa (Jemima Kirke), por sua vez, parece estar fora de todo o drama que sempre a envolveu. Ela tentará construir uma vida e começar a construir relações consistentes.

Como sempre, todas as personagens estarão bem autocentradas, passando por algumas situações absurdas e se portando como péssimas amigas. No Brasil, a série também é exibida pelo canal HBO. #Televisão #Seriados